Venezuela: Maia diz que Brasil não pode ser instrumento de outros países

Crédito da foto: Najara Araujo/Câmara dos Deputados

Respondendo a jornalistas nesta segunda-feira, 25, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) confirmou sua posição contrária a qualquer intervenção militar na Venezuela, e, mesmo, a chamada ajuda humanitária.

“Todo mundo sabe que fui contra essa ajuda humanitária porque atrás dessa ajuda havia um encaminhamento diferente, do meu ponto de vista, dos EUA. Está feito: mortes, confusão na fronteira em Roraima. O Brasil não pode ser instrumento de outros países em um conflito”, destacou.

 

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu