Temer reage a novo inquérito no STF. Funaro diz ter provas contra o presidente.

Noticiário destaca ações e delações contra Temer
Noticiário destaca ações e delações contra Temer

Edição: Sérgio Botêlho

Ações e delações envolvendo o presidente Temer é o destaque maior nas manchetes de jornais e portais de notícias. “Funaro diz ter provas contra Temer e reforça denúncia”, é a manchete de O Globo (impresso).

“Inquérito contra Temer e análise de provas elevam tensão no STF”, é a manchete do Estadão (impresso). “Supremo abre nova investigação sobre Temer”, é a da Folha (impresso).

Reação de Temer também está nas primeiras páginas dos jornais: Presidente: ‘Facínoras roubam a verdade’, diz a submanchete de O Globo (impresso) “Presidente se defende de acusações da PF e critica “facínoras que roubam a verdade”, diz a da Folha (impressa).

“Presidente convoca aliados para café da manhã a fim de traçar estratégia contra denúncia”, informa submanchete de O Globo online. “Resultado de ação de Temer contra Janot deve influenciar outros casos”, avalia a manchete da Folha online, sob julgamento no STF, hoje.

Mais, sobre o assunto: Presidência diz que Temer não interferiu no Decreto dos Portos. Por que a abertura de um novo inquérito contra Temer assustou tanto o mercado? Juiz mantém rejeição a queixa-crime de Temer contra Joesley.

Outro assunto em destaque no noticiário é o depoimento de Lula ao juiz Sérgio Moro. O tema está em algumas capas de jornais e manchete e submanchetes de sites e blogs. Há movimentações de aliados e adversários no rumo de Curitiba.

Mais destaques: Janot denunciará Joesley. Trump receberá Temer em Nova York na véspera de evento da ONU. Para Gilmar, do STF, Procuradoria vive ‘putrefação’. Cúpula do PMDB cobrou propina em empréstimos do FI-FGTS.

Consumo puxa economia e faz disparar ações do varejo. Agenda de concessões tem 25 projetos até fim deste ano. Renegociação de dívidas rurais deve ser facilitada.

Quase um terço dos membros da CPI da JBS foi financiado pela empresa. Fachin rebate Gilmar sobre JBS: ‘Minha alma está em paz’. J&F contratou escritório de advocacia um dia antes de gravar Temer. Miller contra-ataca e pede que Janot seja ouvido. OAB Rio proíbe atuação de Miller como advogado.

Votação da reforma política fica para esta quarta-feira, diz líder do PMDB. Senado aprova projeto que simplifica renegociação do crédito rural. BB decide deixar Portugal.

Pelo menos um terço dos parlamentares indicados à CPMI da JBS é investigado no STF. CPI promete bombardeio contra delações e JBS. Quase um terço dos membros da CPI da JBS foi financiado pela empresa.

Novo Refis fica ainda mais benéfico para devedores. Doria agora admite prévias com Alckmin no PSDB.

MANCHETES DOS JORNAIS: Funaro diz ter provas contra Temer e reforça denúncia. Operador do PMDB contou que tinha conta conjunta com Geddel. Delator também afirma que acerto com Joesley Batista era de R$ 100 milhões por seu silêncio. Operador do PMDB e delator da Lava-Jato, Lúcio Funaro entregou à Justiça documentos que, segundo ele, comprovariam propina de R$ 1,5 milhão ao presidente Temer, informa/Presidente: ‘Facínoras roubam a verdade’. Nota diz que ‘facínoras roubam do país a verdade’, e presidente afirma que ‘cada um quer derrubar o outro’. Manchete do jornal O Globo. (…) Inquérito contra Temer e análise de provas elevam tensão no STF. Ministro Luís Roberto Barroso autoriza nova investigação contra o presidente; plenário da Corte julga hoje recursos que tentam evitar nova denúncia de Janot/Janot denunciará Joesley. Procurador-geral da República vai incluir o executivo da J&F na denúncia por obstrução da Justiça que vai apresentar contra o presidente Michel Temer antes de passar o bastão para a sucessora, Raquel Dodge/Funcionários vão cobrir rombo de R$ 14 bi na Petros. Petrobrás. Plano aprovado ontem pelo conselho do fundo de pensão da petroleira ainda precisa do aval da estatal, mas previsão é de que entre em vigor até dezembro; quem recebe salário de R$ 10 mil, por exemplo, terá um desconto mensal de R$ 1.359. Manchete e submanchetes do jornal Estado de São Paulo. (…) Supremo abre nova investigação sobre Temer. Presidente se defende de acusações da PF e critica “facínoras que roubam a verdade/Lula depõe hoje e PT deve passar mensagem de embate político/Trump receberá Temer em Nova York na véspera de evento da ONU/Para Gilmar, do STF, Procuradoria vive ‘putrefação’ Manchete e submanchetes do jornal Folha de São Paulo. (…) Governo lança hoje PDV para servidores federais/Lula e Janot dividem as atenções da Justiça. Em Curitiba, a capital da Lava-Jato, o ex-presidente volta a ficar frente a frente com o juiz Sérgio Moro. Desta vez, terá de explicar a suposta compra de um imóvel para seu instituto, com ajuda da Odebrecht. No STF, os ministros decidirão se o chefe da PGR pode continuar à frente das investigações sobre Temer/Joesley reza e come quentinha/Mobilização pela floresta. Artistas como Suzana Vieira, Victor Fasano e Maria Gadú, índios e representantes de ONGs participaram no Congresso Nacional de um ato contra a extinção da Reserva Nacional do Cobre e Associados (Renca)Manchete e submanchetes do jornal Correio Braziliense. (…) . Manchete do jornal Estado de Minas. (…) STF investiga novo inquérito para investigar Temer. Manchete do jornal Zero Hora, do RS (…) Consumo puxa economia e faz disparar ações do varejo. No momento em que a bolsa de valores brasileira ganha impulso e o Ibovespa rompe níveis históricos, ações de companhias de varejo básico e consumo de eletrodomésticos, vestuário e alimentação proporcionam ganhos extraordinários a seus acionistas/Uso político da Anvisa inquieta setor. A Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa escancarou, em carta ao Senado, a preocupação do setor com o crescente aparelhamento político da AnvisaManchete e submanchete do jornal Valor Econômico. (…) Agenda de concessões tem 25 projetos até fim deste ano. O edital de um trecho de ligação da Ferrovia Norte-Sul estará pronto até dezembro, promete o governo. O Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) deverá entregar mais 25 projetos à iniciativa privada até o final de 2017. Em 14 meses de atividade do PPI, foram concluídos 49 projetos na forma de editais e de leilões que resultaram em R$ 8 bilhões. Manchete do jornal DCI-Diário, Comércio, Indústria e Serviços online. (…) Renegociação de dívidas rurais deve ser facilitada. Plenário aprovou projeto que reduz burocracia para que produtores rurais renegociem débitos com bancos. Texto agora vai para a Câmara dos Deputados. Manchete do Jornal do Senado. (…)

MANCHETES DOS SITES DE NOTÍCIAS: Funaro diz que Temer se beneficiou de propina da usina de Angra 3. Yunes seria o principal intermediário, e usava a empresa de Lima, a Argeplan, para lavar ganhos indevidos com contrato/Funaro mantinha conta corrente com Geddel/Cúpula do PMDB cobrou propina em empréstimos do FI-FGTS/Corretor pagará multa R$ 4 milhões por acordo/Como Joesley comprou o silêncio de Funaro. Dono da JBS sugeriu ‘amarrar as pontas’ de versões/Delator relata invasão de sua casa, vizinha a um imóvel de Joesley. Funaro pede investigação sobre o caso/Temer e Cunha estão no centro do ‘quadrilhão’ do PMDB, afirma PF. Relatório conclui que os dois e mais quatro políticos do PMDB participaram de esquema para desviar dinheiro público/Presidente convoca aliados para café da manhã a fim de traçar estratégia contra denúncia. Temer prepara reação a eventual acusação, que pode ser feita por Janot até o fim da semana/Barroso abre novo inquérito no Supremo para investigar Temer. Presidente é suspeito de cometer irregularidades no chamado ‘decreto dos portos’/Análise: Nota de Temer é flechada preventiva/Cunha ficará temporariamente em presídio de Brasília. Preso em Curitiba, ex-deputado prestará depoimento no DF em setembroManchete e submanchetes da hora de O Globo online. (…) Quase um terço dos membros da CPI da JBS foi financiado pela empresa. Ao todo, R$ 4 mi foram doados às campanhas que elegeram 15 dos 49 parlamentares que integram colegiado/Fachin rebate Gilmar sobre JBS: ‘Minha alma está em paz’/Gilmar critica encontro de Janot com advogado de Joesley/Gilmar diz que conversa com Joesley foi ‘institucional’/PF confisca celular de Marcelo Miller/J&F contratou escritório de advocacia um dia antes de gravar Temer. Ex-procurador Marcello Miller estava em reunião, mas não orientou empresa, diz advogado e delator/Miller contra-ataca e pede que Janot seja ouvido/OAB Rio proíbe atuação de Miller como advogadoManchete e submanchetes da hora do Estadão online. (…) Resultado de ação de Temer contra Janot deve influenciar outros casos. STF julga nesta quarta (13) pedido do presidente de suspeição contra o procurador-geral; veredicto poderá impactar ações que citam acordos de delação/Divergência sobre tempo de prisão trava repactuação de acordo da JBS/Acusação contra Cardozo é leviana, afirma advogado/Bernardo Mello Franco: Metade do ‘quadrilhão’ do PMDB foi preso, o resto está no Planalto/Em novo depoimento de Lula, PT procura reforçar embate político. Haverá ato com cerca de 4.000 pessoas no PR/Sob o risco de voltar a ser preso, Dirceu é julgado em 2ª instânciaManchete da hora da Folha online. (…) Defesa de Temer encaminha petição ao STF refutando investigação. ‘Facínoras’ roubam a verdade do país, diz presidente. Manchete da hora do Correio Braziliense online. (…) Após novo inquérito, defesa de Temer encaminha petição ao STF refutando investigação/Brasil só elegerá político como Doria se tiver ‘compulsão suicida’, diz Ciro em BH/Marcello Miller contra-ataca e pede a Fachin que Janot seja ouvido pelo Supremo. Manchete e submanchetes da hora do Estado de Minas online. (…) Frente a frente. Fragilizado por condenação e novas denúncias, Lula depõe a Moro nesta quarta. Apoiadores da Lava-Jato prometem ato surpresa. “Estamos incomodados com a perseguição”, diz vice do PT. Manchete da hora do jornal Zero Hora, do RS, online (…) Votação da reforma política fica para esta quarta-feira, diz líder do PMDB. Novo adiamento ocorre pela ausência de acordo para a proposta de emenda constitucional do sistema eleitoral e do fundo de financiamento/Barroso, do STF, autoriza abertura de inquérito contra Temer. Pedido havia sido feito por Rodrigo Janot, com base nas delações premiadas de executivos do grupo J&FManchete e submanchetes da hora do Valor Econômico online. (…) Barroso autoriza abertura de inquérito contra Temer em edição de decreto dos portos/AGU vai ao Supremo para contestar resolução que perdoa dívida de produtor com Funrural. Presidente do Senado promulgou nesta tarde o projeto, de autoria da ex-ministra da Agricultura e senadora Kátia AbreuManchete e submanchetes da hora do DCI-Diário, Comércio, Indústria e Serviços online. (…) Senado aprova projeto que simplifica renegociação do crédito rural. Manchete da hora da Agência Senado. (…) Plenário aprova MP sobre regularização de débitos não tributários; faltam destaques. Manchete da hora da Agência Câmara. (…) Para Temer, novo inquérito é ‘contaminado por inverdades’. Defesa do presidente enviou petição ao ministro Luís Roberto Barroso, que determinou hoje abertura de investigação sobre Decreto dos Portos.  Manchete da hora da revista Veja online. (…) Defesa de Temer diz a Barroso que novo inquérito é ‘contaminado por inverdades’. Manchete da hora da revista Isto É online. (…) Presidência diz que Temer não interferiu no Decreto dos Portos. Manchete da hora da revista Exame online. (…) Juiz mantém rejeição a queixa-crime de Temer contra Joesley. Manchete da hora da revista Época online. (…) Após depoimento de Palocci, Lula volta a encarar Moro. Ex-presidente prestará novos esclarecimentos ao juiz responsável pela Lava Jato em Curitiba, agora sobre caso de terreno em São Bernardo. Manchete da hora da revista Carta Capital online. (…) Por que a abertura de um novo inquérito contra Temer assustou tanto o mercado?. Manchete da hora da InfoMoney/Bloomberg online. (…) STF: Barroso autoriza inquérito contra Michel Temer. Caso diz respeito a suposto favorecimento a uma empresa em decreto no setor dos portos. Manchete da hora do Jornal do Brasil online. (…) Lula reencontra Moro após condenação na Lava Jato e acusações de Palocci. Manchete da hora do IG Últimas Notícias. (…) Fraudes, apartamento e instituto. Lula depõe novamente a Moro hoje em Curitiba; entenda a ação contra o petista. Acusações contra Lula incluem corrupção e obstrução de justiça. PT procura reforçar discurso sobre ‘guerra jurídica’ contra ex-presidente.  Manchete da hora do UOL. (…) Lula será ouvido hoje por Moro em ação sobre suposta propina da Odebrecht. Ex-presidente é acusado de ganhar terreno e apartamento da empreiteira. Depoimento está marcado para as 14h, em Curitiba. Manchete da hora do G1. (…) Com apoio popular, Lula tem novo duelo com Moro. Manchete da hora do Brasil 247. (…) BB decide deixar Portugal. Banco fecha agências em Lisboa e Porto e gera protestos. Manchete da hora do Diário do Poder, de Cláudio Humberto (…) A lei é para todos. Os jornais reproduziram os cartazes que recepcionaram Lula em Curitiba.. Manchete da hora de O Antagonista. (…) Pelo menos um terço dos parlamentares indicados à CPMI da JBS é investigado no STF. Manchete da hora do Congresso em Foco. (…) CPI promete bombardeio contra delações e JBS. Mas há risco de opinião pública ver comissão como operação abafa. Manchete da hora do Blog do Kennedy. (…) Palocci entregou a Moro um Lula bem passado. Manchete da hora do Blog do Josias. (…) CPI chapa branquíssima. Manchete da hora do Blog do Noblat. (…) Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, diz que Reforma Política deve ser votada nesta semana. Manchete da hora do Anexo6. (…) Barroso autoriza abertura de inquérito contra Temer. A suspeita é de corrupção e lavagem de dinheiro na edição de um decreto. A medida teria beneficiado empresa no setor de portos. Manchete da hora do site da rádio CBN. (…) Lula será ouvido hoje por Moro pela 2ª vez na condição de réu. Funaro diz que Temer se beneficiou de propina de Angra 3. Funaro relata R$ 25 milhões de propina a vice-governador de MG. Manchete da hora do site Globo.com (…) Quadrilha usava drones para monitora casas que seriam roubadas em São Paulo. Manchete da hora do site do jornal Hora 1 (05hs da manhã), da Globo. (…) Planalto ganha nova preocupação com inquérito que vai investigar Temer. Manchete da hora do site do Jornal da Globo, que foi ao ar a zero hora desta madrugada. (…) . Barroso abre inquérito para investigar Temer e Loures. Defesa de Temer afirma que decreto dos portos não beneficiou empresa . Manchete da hora da Agência Brasil. (…) Doria vai lançar programa de combate ao contrabando. Mais de R$ 9 bilhões foram perdidos, em média, em 16 setores produtivos. Manchete da hora do Radar (da Veja) online.  (…) Funaro afirmou que Temer se envolveu em propina em Angra 3, diz jornal. Delação do operador foi homologada por Fachin. Manchete da hora do Blog Poder 360,  de Fernando Rodrigues. (…) Antes de se candidatar à presidência, Marina precisa tratar a Rede. Manchete da hora do blog Os Divergentes. (…) CPI conclui que policiais do RJ correm seis vezes mais risco de morrer do que os de SP. Manchete da hora do Jornal Extra (RJ). (…) Em ano eleitoral, Doria congela aumento do IPTU. Manchete da hora do jornal Agora (São Paulo). (…) ONU aprova por unanimidade novas sanções contra a Coreia do Norte. Manchete da hora da Agência France-Press-Brasil. (…) Os 12 suspeitos: quem é quem no ‘quadrilhão do PMDB’ apontado pela PF. Manchete da hora da BBC Brasil. (…) Barroso abre inquérito contra Temer por corrupção e lavagem de dinheiro em decreto dos portos. Manchete da hora da Agência Reuters. (…) A Rússia realizou com sucesso um teste com o míssil balístico intercontinental (ICBM, na sigla em inglês) RS-24 Yars de nova geração, que atingiu um alvo localizado a 6.000 quilômetros de distância, informou nesta terça-feira o Ministério da Defesa russo. Manchete da hora da agência Sputinik Brasil (…) Confrontos nos protestos contra a reforma laboral de Emmanuel Macron. As autoridades relataram que um grupo de cerca de três centenas de pessoas encapuzadas provocaram distúrbios, três foram detidas. Manchete da hora da Euronews. (…) Violência nas ruas marca primeira grande greve do governo Macron na França. Dezenas de milhares de pessoas saíram às ruas em várias cidades da França nesta terça-feira (12) para protestar contra a reforma do Código do trabalho. Tensões foram registradas entre a polícia e manifestantes. Esse é a primeira grande greve no país desde o início do mandato do presidente Emmanuel Macron.. Manchete da hora RFI-Brasil. (…)

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments