Autonomia do BC, fusão de impostos, rejeição a pontos da proposta anticrime de Moro e paralisação de obras contra deslizamentos no Rio são destaques da mídia

Expectativas econômicas inspiram manchetes dos grandes jornais do país. Possível autonomia do Banco Central e fusão de impostos são duas dessas expectativas. Folha destaca pesquisa que revela maioria da população contra pontos da proposta anticrime de Moro. O Globo denuncia paralisação de obras contra deslizamentos em favelas.  Inflação dá um pulo e preocupa. Bolsonaro vai anistiar agronegócio. “Mourão recoloca a estratégia brasileira para a China nos trilhos”, diz matéria. Em jantar com embaixadores árabes, Bolsonaro diz que Brasil está de ‘braços abertos’. Orçamento vai liberar reajuste de militar e barrar de servidor civil. Weintraub nomeia secretários sem experiência no MEC. Um dia após eleição, premiê de Israel é chamado por Procuradoria. União Europeia dá mais 6 meses para Reino Unido resolver brexit. Danilo Gentili é condenado por injúria contra deputada Maria do Rosário. Por unanimidade, TRE cassa mandato de senadora do PSL conhecida como ‘Moro de saias’. Comissão do Senado recomenda arquivamento de CPI da Lava Toga. Lava Jato pede aumento da pena de Lula no caso do sítio de Atibaia. Leia mais do noticiário na sinopse:

📰 Birô de Imprensa – Ano 2 – Número 152

🖋Edição: Sérgio Botêlho

📅 A 264 dias do fim do ano de 2019, hoje é quinta-feira, 11 de abril de 2019, 101º dia do ano.

📊 Mercado: Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quarta-feira, 10, em baixa de -0,35%, a 95.953 pontos. O dólar também fecho em baixa de -0,80% e o euro, da mesma forma, em baixa de -0,85%, a R$4,31.

🏙️ Cidades:

“Tragédia expõe falta de prevenção e planejamento. Prefeitura do Rio não gastou um centavo este ano com obras de contenção de encostas.” Editorial do O Globo.

🏙️ Cidades:

“Obras contra deslizamento estão paradas em 31 favelas. Neste ano, 12 pessoas já morreram em quedas de encostas no Rio.” Manchete de capa do O Globo.

🏙️ Cidades:

“Nós, moradores do Rio, também somos culpados. Nenhuma dúvida de que a responsabilidade pela tragédia da enchente que matou dez pessoas e convulsionou o Rio na segunda e terça-feira deve ser compartilhada pelo prefeito Marcelo Crivella, em razão da sua reconhecida incompetência administrativa, pelo governador Wilson Witzel, que fingiu não ter nada a ver com o dilúvio, e por algumas outras entidades políticas que se sucederam no comando da cidade e do estado e que não cumpriram com suas obrigações constitucionais e devem responder por omissão criminosa. Mas há outros vilões nesse drama vivido mais uma vez no Rio. Nós, os moradores da cidade, somos também culpados por este quadro. Vivemos de costas para a nossa cidade, nos lixamos para ela.” Na coluna de Ascânio Seleme, no O Globo.

🏙️ Cidades:

“Cidadãos do Rio sofrem abusos e agressões diários. A crise no Rio tem contornos dramáticos. Não é tolerável o que temos tolerado. Eventos insólitos, declarações abusivas e agressões diárias ao cidadão do Rio são insultos que temos tolerado, mas não devíamos.” Na coluna de Miriam Leitão, no O Globo.

💲Economia:

“O pulo da inflação. O salto da inflação em março pode ser um desvio temporário, mas é um motivo a mais para o governo se preocupar com as expectativas.” Editorial do Estadão.

💲Economia:

“Governo vai propor fusão de impostos e menos encargos. Tributo sobre pagamentos é opção em estudo para compensar perda de receita.” Manchete de capa do Estadão.

💲Economia:

“Crescer com responsabilidade fiscal. Programa IncentivAuto refuta subsídios e renúncias sem critérios.” Artigo de Henrique Meirelles, na Folha.

💲Economia:

“Antigo reduto lulista celebra 13º do Bolsa Família de Bolsonaro com desconfiança.” Na Folha.

💲Economia:

“Sem emprego, Bolsa Família não elimina pobreza ou impopularidade.” Na Folha.

💲Economia:

“Cem dias após posse, estados em crise parcelam salários e paralisam obras.” Na Folha.

💲Economia:

“Doria vai renovar concessões por pedágio menor. Doria disse que antecipará renovação de contratos ou ampliará lotes das rodovias; cobranças ponto a ponto e flexível podem ser adotadas.” No Estadão.

👨‍🎓Educação:

“A valorização do professor. Pensar na educação como a chave para o progresso do País significa pensar na valorização dos professores, seja nas salas de aula, seja fora delas.” Editorial do Estadão.

👨‍🎓Educação:

“Debate político volta a animar as faculdades. Em tempos de radicalização de opiniões e troca de ataques pelas redes sociais, o campus da faculdade volta a ser um importante espaço para discussões políticas e sociais.” Na capa do Valor Econômico.

🏛 Governo:

“Ineficaz e com gastos milionários, a Apex só serve ao loteamento político. Agência de suposta promoção do Brasil no exterior continua a ser exemplo de clientelismo.” Editorial do O Globo.

🏛 Governo:

“Governo e seita. Nos cem primeiros dias do governo Bolsonaro, já dá para ver que temos dois governos, um que funciona, outro que parece uma seita religiosa sem um líder ou, pior, com líderes atrapalhados, que às vezes pode ser o próprio presidente, outras é o guru dele, o professor on-line Olavo de Carvalho, que vem acumulando poder na mesma proporção que provoca confusão.” Na coluna de Merval Pereira, no O Globo.

🏛 Governo:

“Novo ministro é um Vélez sem sotaque. O ex-ministro Ricardo Vélez queria reescrever livros didáticos para falsificar o passado. Seu sucessor quer usar o cargo para turbinar o bolsonarismo no futuro. Com Abraham Weintraub, a Educação deve continuar refém de cruzadas ideológicas. O novo ministro promete ser um segundo Vélez, sem o sotaque colombiano do original.” Na coluna de Bernardo Mello Franco, no O Globo.

🏛 Governo:

“Bolsonaro completa 100 dias de governo soterrado em cinzas. Presidente prometeu destruir antes de construir, mas não aponta caminhos.” Na coluna de Bruno Boghossian, na Folha.

🏛 Governo:

“Preparem-se para quatro anos de muita zona. Numa hipótese muito otimista, seremos um país tirando o nariz para fora da lama.” Na coluna de Mariliz Pereira Jorge, na Folha.

🏛 Governo:

”Mourão recoloca a estratégia brasileira para a China nos trilhos. Brasil depende do país chinês para turbinar investimentos e manter superávit.” Na coluna de Matias Spektor, na Folha.

🏛 Governo:

“Itamaraty veta homenagem de formandos a diplomata desafeto dos EUA. Turma do Instituto Rio Branco convidou José Maurício Bustani como paraninfo; Itamaraty nega ingerência.” Na Folha.

🏛 Governo:

“Em jantar com embaixadores árabes, Bolsonaro diz que Brasil está de ‘braços abertos’”. Na Folha.

🏛 Governo:

“Orçamento vai liberar reajuste de militar e barrar de servidor civil. Previsão de aumento será apresentada antes de votação da Previdência e reestruturação das Forças Armadas.” Na Folha.´

🏛 Governo:

“Planalto age para blindar MP que reduz ministérios. Congresso. Governo põe líder como relator da comissão que avalia medida provisória que definiu desenho da Esplanada, mas receia possíveis mudanças no projeto original”. No Estadão.

🏛 Governo:

“Encontros com a oposição. Bolsonaro começou a receber a oposição. Teve reunião com o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), em que senador do PT esteve presente, e convidou Randolfe Rodrigues (RedeAP) para viagem ao Amapá.” No Estadão.

🏛 Governo:

“Não adianta, como o governo tenta enumerar medidas e decretos para “provar” que as coisas andaram rápido.” Na coluna de William Waack, no Estadão.

🏛 Governo:

“Governo terá plano de ações para o Nordeste. Dentro de uma estratégia de aproximação com o eleitor do Nordeste, região onde enfrenta alta rejeição, Jair Bolsonaro prepara um pacote de ações de fomento à agricultura.” No Estadão.

🏛 Governo:

“Weintraub nomeia secretários sem experiência no MEC. Gestores novatos em Educação ocupam MEC.” No O Globo.

🏛 Governo:

“Novo projeto do governo proporá autonomia do BC. Governo vai propor novo projeto de autonomia para o Banco Central.” Manchete de capa do Valor Econômico.

🏛 Governo:

“Bolsonaro vai anistiar agronegócio. O presidente Jair Bolsonaro decidiu cumprir promessa de campanha e mandará ao Congresso projeto de lei para anistiar parte das dívidas bilionárias do agronegócio com o Funrural.” Na capa do Valor Econômico.

🏛 Governo:

“Na infraestrutura, uma promessa. O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, previu que a aprovação da reforma da Previdência poderá alavancar o PIB em 1,5 a 2 pontos percentuais, porque vai estimular investimentos em infraestrutura, a maneira mais rápida de resolver um problema crônico da economia brasileira: a baixa produtividade.” Na capa do Valor Econômico.

🌐Internacional:

“A maior eleição do mundo. Cerca de 900 milhões de pessoas votarão para renovar o Parlamento indiano.” Editorial da Folha.

🌐Internacional:

“Partido rival reconhece vitória de Netanyahu em eleições de Israel.” Na Folha.

🌐Internacional:

“Um dia após eleição, premiê de Israel é chamado por Procuradoria.” Na Folha.

🌐Internacional:

“Reeleição de Bibi reforça elo com Trump. A reeleição de Binyamin Netanyahu para o 5.º mandato em Israel deve apressar plano de paz do presidente dos EUA, Donald Trump. Futuro do plano, porém, é incerto por causa da promessa de Bibi de anexar partes da Cisjordânia.” No Estadão.

🌐Internacional:

“A morte anunciada da Palestina”. Na coluna de Clóvis Rossi, na Folha.

🌐Internacional:

“União Europeia dá mais 6 meses para Reino Unido resolver brexit.” Na Folha.

🌐Internacional:

“Será um desafio manter Israel um Estado judaico e democrático.” Na coluna de Guga Chacra, no O Globo.

⚖️Justiça:

“Danilo Gentili é condenado por injúria contra deputada Maria do Rosário.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Por unanimidade, TRE cassa mandato de senadora do PSL conhecida como ‘Moro de saias’.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Ataques pessoais entre Lava Jato e STF não se justificam, afirma juiz.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Comissão do Senado recomenda arquivamento de CPI da Lava Toga.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Lava Jato pede aumento da pena de Lula no caso do sítio de Atibaia.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Paulo Preto pede a Gilmar para transferir caso de contas na Suíça para Justiça Eleitoral.” Na Folha.

⚖️Justiça:

“Tribunal manda soltar ex-marqueteiro do PT preso pela Lava Jato.” Na Folha.

💼Política:

“O humor do Congresso. O maior problema está no relacionamento entre o governo e os parlamentares – a maioria dos parlamentares.” Editorial do Estadão.

💼Política:

“Que fatos? A máxima do Marx, segundo a qual a história só se repete como farsa, tem uma versão brasileira: aqui a história não se repete, se corrige. Discute-se se o que houve em 64 foi um golpe ou uma revolução redentora, e o que veio depois foi ou não foi uma ditadura de 20 anos. Uma facção sustenta que houve, sim, um golpe e uma ditadura e que os fatos confirmam isso, outra facção sustenta que nunca houve golpe, e os 20 anos de ditadura foram um mal-entendido, uma terceira facção aceita que houve um golpe e uma ditadura, e os fatos confirmam isto, mas que não se deve dar importância demais aos f atos. Os fatos são volúveis, os fatos são tiranos, não é justo que a memória de uma nação se submeta aos fatos sem poder reagir.” Na coluna de Veríssimo, no O Globo.

💼Política:

“Temos caminhado para um sistema semipresidencialista, com maior papel do Congresso. Esta sim é a nova política.” Na coluna de Zeina Latif, no Estadão.

👴 Previdência:

“Capitalização deverá manter aporte do patrão. Para reduzir resistência de parlamentares ao regime de capitalização na Previdência, a equipe econômica elabora proposta pela qual o futuro regime manteria uma contribuição patronal à aposentadoria do empregado, de 8,5%. Parte da poupança do trabalhador continuaria financiando o INSS.” No O Globo.

🚑 Saúde:

“Hábito saudável evitaria 63 mil mortes por câncer. Levantamento da USP e de Harvard mostra relação de câncer com fatores que elevam risco.” No Estadão.

🚑 Saúde:

“Clínica popular vive momento de dificuldades. Há cerca de quatro anos, o setor de clínicas médicas populares experimentou um boom, com promessas de expansão e investimentos significativos. Mas esse cenário mudou. Muitas não conseguiram crescer no ritmo esperado e outras fecharam as portas.” Na capa do Valor Econômico.

👮 Segurança Pública:

“80 tiros. Exército deve explicações a respeito de ação hedionda que matou um homem no Rio.” Editorial da Folha.

👮 Segurança Pública:

“Maioria se opõe a propostas do governo para segurança. Rejeição inclui pontos polêmicos do pacote anticrime de Moro, indica Datafolha.” Manchete de capa da Folha.

👮 Segurança Pública:

“Punição mais suave no trânsito é alvo de críticas. Proposta do governo que retarda suspensão de carteira de motoristas infratores foi criticada por políticos e especialistas. “Ao flexibilizar as regras, podemos colher mais mortes”, diz a deputada Christiane Yared, da Frente Parlamentar em Defesa do Trânsito Seguro. A Justiça proibiu retirada de pardais em rodovias federais.” No O Globo.

Destaque histórico:

“Em 11 de abril de 1961, tem início em Jerusalém, Israel, o julgamento do criminoso nazista Adolf Eichman, que fora o arquiteto da ‘Solução Final’, onde seis milhões de judeus foram exterminados. O promotor abriu o processo afirmando: ‘De pé ao meu lado encontram-se seis milhões de promotores’.

👍Positivo:

“Polícia prende homem que vendeu arma de fogo para atiradores de Suzano.” Na Agência Brasil.

👎Negativo:

“Filho de Crivella culpa população pelos estragos da chuva.” No blog de Lauro Jardim, no O Globo.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu