Rio perde voos, Paulo Guedes defende Orçamento controlado pelos parlamentares e Reforma da Previdência são assuntos em destaque na mídia

Rio perde voos, Paulo Guedes defende Orçamento controlado pelos políticos e Reforma da Previdência são destaques da mídia

📰 Birô de Imprensa – Ano 2 – Número 120

🖋Edição: Sérgio Botêlho

📅 A 296 dias do fim do ano de 2019, hoje é domingo, 10 de março de 2019, 69º dia do ano.

🌩 Livre pensar: Não existe paraíso na Terra, embora muita gente continue acreditando que sim. (SB)

📊 Mercado: Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não funciona durante o final de semana.

🔫 Armas de fogo:

“Já posso ter arma, e não foi difícil. Em dezembro do ano passado, descobri que a promessa do presidente Jair Bolsonaro de facilitar a posse de arma, cumprida logo depois, não seria necessária: já era fácil obter o documento.” Chamada de capa para artigo de Ivan Finotti, na Folha.

🎭 Carnaval:

“Quizomba arrasta milhares de foliões, na Lapa, neste sábado de pós-carnaval. O tema do bloco este carnaval foi a diversidade.” No O Globo.

🎭 Carnaval:

“Mangueira fecha Desfile das Campeãs seguido de ‘bloco do arrastão’. Leandro Vieira não confirma permanência na escola, e Cauê Rodrigues pode voltar à Imperatriz.” No O Globo.

🎭 Carnaval:

“À espera de uma plástica. Sem manutenção, Sambódromo é cobiçado pelo governo do estado, mas prefeitura afirma ter projeto ambicioso.” Na capa do O Globo.

📜 Denúncias:

“Entidade compra apartamentos na Vieira Souto para abrigar executivos. Mesmo com a ameaça de uma facada sobre os seus recursos pairando no ar, o Sistema S continua gastando. A Confederação Nacional do Comércio (CNC), cuja sede é dividida entre Rio de Janeiro e Brasília, acaba de comprar dois apartamentos na orla carioca. Para quê? Para abrigar o seu presidente, José Roberto Tadros, e o seu diretor financeiro, Leandro Pinto, quando estiverem na cidade.” Chamada de capa do O Globo para a coluna de Lauro Jardim.

💲Economia:

“Rio perde 25% de seus voos em apenas 6 anos. A partir de abril, não haverá mais ligação direta para Nova York e Orlando. Em função da crise econômica, que derrubou a demanda e a rentabilidade das operações, o Rio perdeu um de cada quatro voos de 2012 para cá.” Manchete do O Globo.

💲Economia:

“Japoneses fecham acordo de compra da SuperVia por R$ 800 milhões.” No O Globo.

💲Economia:

“Dependência indesejável. Entre 1997 e 2018, o salário mínimo subiu 695%, passando de R$ 120 para R$ 954 no período, enquanto a inflação acumulada nesse intervalo foi de 274%, e o PIB, por sua vez, cresceu 222%.” Editorial do Estadão.

💲Economia:

“Os 25 anos do Real mostram o poder da persistência. Deve-se evitar a simplória dicotomia entre ‘otimistas e pessimistas’.” Chamada de capa para artigo de Pedro Malan, no Estadão.

👨‍🎓Educação:

“O ensino domiciliar tem ganhado força no País com o apoio de grupos evangélicos e católicos. Boa parte da bancada cristã do Congresso é a favor da prática, cuja regulamentação é uma das prioridades do governo Bolsonaro. Estima-se que, hoje, 7 mil famílias façam homeschooling. Muitas usam materiais que ensinam criacionismo.” Na capa do Estadão.

🇧🇷 Governo federal:

“Governo Bolsonaro quebra a hierarquia no Itamaraty. Não bastou ao ministro Ernesto Araújo chegar ao primeiro posto sem ter comandado embaixada. Ele se cercou de pessoas que também não tiveram essa experiência.” Chamada de capa do O Gloobo para a coluna de Mìriam Leitão.

🇧🇷 Governo federal:

“Demissão reaviva no Itamaraty ecos de perseguição”. Na capa da Folha.

🇧🇷 Governo federal:

“Ernesto Araújo concede passaporte diplomático a ex-ministro do STF que foi advogado de Lula. Documento foi expedido para Sepúlveda Pertence a pedido do Supremo”. No O Globo.

🇧🇷 Governo federal:

“Entrevista. ‘Os políticos têm de controlar 100% do orçamento’, diz Paulo Guedes. Ministro afirma que decisão sobre verbas tem de ficar com parlamentares.” Manchete de capa do Estadão.

🌐Internacional:

“A valentia das venezuelanas diante da crise. Mulheres têm lugar decisivo na defesa dos direitos civis e democráticos na Venezuela e, em casa, como pilar da luta diária pela sobrevivência de suas famílias.” Chamada de capa de O Globo para a coluna de Janaína Figueiredo.

🌐Internacional:

“Barbie faz 60 anos e busca repaginar sua imagem frente a demandas por diversidade.” No O Globo.

🌐Internacional:

“Combate à desinformação. A adoção de medidas para conter o problema é uma das mais prementes questões a preocupar nações democráticas. Em outubro do ano passado, Google, Twitter e Facebook, em conjunto com órgãos que representam os segmentos de comércio e publicidade, assinaram um código de conduta com a Comissão Europeia, assumindo o compromisso de adotar uma série de medidas para combater a escalada de desinformação na internet. De lá para cá, não houve qualquer avanço, como atestado pelo Parlamento Europeu no dia 28 do mês passado.” Editorial do Estadão.

🌐Internacional:

“Preços baixos levam investidor à Venezuela. Compra na baixa. Investidores estrangeiros se aproveitam da desvalorização do bolívar, da queda no preço dos imóveis e do fechamento de empresas locais para comprar ou buscar parcerias que rendam lucro após a queda do regime de Nicolás Maduro.” Na capa do Estadão.

🌐Internacional:

“Errando sem aprender. Aumento de tarifas sobre produtos chineses pelo governo Trump teve efeito contrário ao pretendido.” Editorial da Folha.

⚖️Justiça:

“Justiça Federal deve julgar crimes comuns conexos a delitos eleitorais.” Chamada de capa para artigo da procuradora geral de Justiça, Raquel Dodge, no O Globo.

⚖️Justiça:

“Bagunça não é prerrogativa. A Constituição de 1988 foi generosa com o Ministério Público. No entanto, parece que alguns veem prerrogativas como autorização para fazer o que bem entendem.” Editorial do Estadão.

⚖️Justiça:

“Após 5 anos, Lava Jato de Curitiba mantém 47 presos. Justiça. Operação iniciada em Curitiba mantém presa a maioria de políticos denunciados; balanço geral indica 2.252 anos de condenações para agentes públicos e empresários.” Na capa do Estadão.

⚖️Justiça:

“Justiça do Trabalho tem rombo de R$ 1 bi. Contas públicas. Para evitar o descumprimento do mecanismo que limita o crescimento das despesas à inflação, órgão do Judiciário recebeu aporte do Executivo no segundo ano de vigência da lei; a partir de 2020 não poderá ocorrer novo socorro.” Na capa do Estadão.

Política:

“Posts polêmicos tomam espaço de reformas. As redes sociais do presidente Jair Bolsonaro atraem mais atenção para temas polêmicos e ideológicos do que para assuntos vitais ao governo, como a reforma da Previdência. O desvio de foco, principalmente após a divulgação de um vídeo com atos obscenos, preocupa parlamentares.” Na capa do O Globo.

Política:

“Enredo surrealista. Golden shower e guerra entre olavistas e militares animam o Carnaval de Bolsonaro.” Na coluna de Vera Magalhães, no Estadão.

Política:

“’Onda Bolsonaro’ não se traduz em poder ao PSL nos Estados. Partido de presidente da República tem espaço reduzido em mesas diretoras das Assembleias; no Maranhão e Acre, sigla se alia a antigos adversários.” No Estadão.

Política:

“Presidente gasta capital com choque de alas no governo. Em pouco mais de dois meses, o governo de Jair Bolsonaro consumiu parte do capital político para pacificar crises entre a ala pragmática, liderada por militares, e a ideológica, influenciada pelos filhos do presidente e pelo escritor Olavo de Carvalho. Ações importantes e promessas têm ido para o segundo plano.” Na capa da Folha.

Política:

“Hora da barganha. Retomada dos trabalhos legislativos exigirá empenho de Bolsonaro na organização de sua base de apoio.” Editorial da Folha.

Política:

“Com oposição fictícia, esquerda protagoniza comédia pastelão barata. Participação de políticos em piada de ator global revela oposição ingênua e sem rumo.” Chamada de capa para a coluna de Bruno Boghossian, na Folha.

Política:

“O novo Brasil começou. País está diante de um momento único e decisivo.” Chamada de capa para artigo de Onyx Lorenzoni, na Folha.

Política:

“São verde e rosa as multidões. No poder, a competência é medida por outra régua.” Chamada de capa para artigo de Marta Suplicy, na Folha.

Política:

“Centrão articula alterar MP de Bolsonaro e tirar Coaf das mãos de Moro. Tomo lá e dou cá Líderes do centrão tentam convencer outros partidos a usar a medida provisória em que Jair Bolsonaro reestruturou o governo para dar um recado definitivo ao Planalto, forçando-o a abrir novo nível de diálogo com o Congresso.” No Painel, da Folha.

Política:

“Governador do Rio sonha com Planalto e tenta se descolar de Bolsonaro. Witzel decide tirar aliado da família do presidente da articulação política e fica mais próximo de Garotinho.” Na Folha.

📦 Previdência:

“O presidente Jair Bolsonaro recebeu neste sábado o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), no Palácio da Alvorada. Em conversa de cerca de 50 minutos, os dois trataram da reforma da Previdência.” No O Globo.

📦 Previdência:

“Previdência é só a primeira das reformas. Atualizar o sistema de seguridade não basta para que o ajuste fiscal seja feito no prazo necessário”. Editorial do O Globo.

📦 Previdência:

“Toma lá, dá cá. Proposta dos militares tira na Previdência e põe nos soldos. Guedes quer ‘conta zero’”. Na coluna de Eliane Catanhêde, no Estadão.

📦 Previdência:

“O presidente Jair Bolsonaro decidiu trabalhar diretamente pela aprovação da reforma da Previdência e autorizou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a encaminhar para ele os pedidos de nomeações para o 2.º escalão do governo nos Estados, informa Eliane Cantanhêde. Bolsonaro também vai conversar com deputados.” Na capa do Estadão.

📦 Previdência:

“Equidade da reforma preocupa trabalhador.” Na Coluna do Estadão.

📦 Previdência:

“Reforma da Previdência antecipa a trabalhista. Medidas aliviam custo de contratação e iniciam flexibilização desejada por Bolsonaro e sua equipe econômica.” Manchete de capa da Folha.

🚑 Saúde:

“Pista para cura da Aids reforça a importância das pesquisas genéticas. Transplante de medula para contaminados por HIV abre novas possibilidades aos pesquisadores”. Editorial do O Globo.

👥 Social:

“Após Bolsonaro criticar, presidente do BB diz que curso sobre assédio fomenta guerra cultural. Treinamento faz parte de processo de promoção de funcionários do banco.” No O Globo.

👥 Social:

“Vereador no RS diz que ‘mulher que se presta não dá problema’”. Na coluna BR18, do Estadão.

😱 Tragédia:

“Avião cai na Etiópia com 157 pessoas a bordo. Vôo ET 302 deixou o aeroporto em Addis Ababa às 8h38, horário local, e perdeu contato com a torre de controle minutos depois.” Manchete de última hora, na Folha online.

Destaque histórico:

Em 10 de março de 1876, o inventor Alexander Graham Bell faz sua primeira transmissão telefônica bem-sucedida. Ele liga para seu assistente e diz: “Senhor Watson, venha aqui. Preciso do senhor”. No portal Terra.

👴Sextilha:

Dizia José Américo,

Ninguém se perde na volta,

O que anima o empenho,

De quem confundiu a rota,

A rever suas ideias

E sublimar a derrota.

(SB)

👍Positivo:

“Pensamento crítico e colaboração são mais importantes que fórmulas de matemática na educação do século 21, diz especialista do MIT.” No portal da BBC-Brasil.

👎Negativo:

“’Eu vi o dia amanhecer apanhando’, diz professora que foi torturada por 12 horas. Rosana Louzada acusa companheiro, que está preso, pelas agressões.” No O Globo.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu