Semana das convenções: todos à procura de vices

Sérgio Botêlho

Eleições 2018

Esta é a semana das decisões finais dos partidos sobre candidaturas a todos os níveis da disputa eleitoral de outubro próximo. Serão escolhidos candidatos a presidente da república, governadores, senadores, deputados federais e estaduais.

O último dia de convenção é o próximo domingo, 05 de agosto, e os partidos estão enrolados, principalmente, com a escolha dos vices presidentes e vices governadores, com muita pendência nessa questão.

Outro motivo de preocupação dos partidos é com respeito às coligações, ponto considerado de fundamental importância por conta do horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão, que se baseia na soma dos tempos dos partidos que apoiam as diversas candidaturas.

PSDB

Quem já resolveu sua situação, nesse particular, foi o candidato tucano à presidência da República, o ex-governador paulista, Geraldo Alckmin, que conseguiu atrair os partidos que foram o centrão, e alcançar cerca de 1/3 de todo o tempo do horário gratuito na TV e no rádio.

Contudo, falta a Alckmin encontrar, entre os partidos que compõem o Centrão, um nome que lhe sirva como candidato a vice-presidente, o que não está sendo uma tarefa fácil. O nome da deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) é uma das que estão sendo cogitadas.

MDB

A próxima grande convenção marcada a nível nacional é a do MDB, depois de amanhã, 02 de agosto, em Brasília. O ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, é candidato único, mas luta contra movimento interno que não quer o MDB com candidato presidencial.

Será uma dura batalha, a ser capitaneada, no campo dos adversários, pelo senador Renan Calheiros, do MDB de Alagoas, e, no lado dos defensores de Meirelles, pelo também senador Romero Jucá, do MDB de Roraima, e líder do governo no Senado Federal.

Deixe uma resposta

Fechar Menu