Saneamento, reforma, cessão onerosa, PSL e Bolsonaro são destaques das manchetes

🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞 🗞

📰 Birô de Imprensa – Ano 2 – Número 333- A 83 dias do fim do ano de 2019, hoje é quarta-feira, 09 de outubro de 2019, 282º dia do ano.

Sinopse da grande mídia impressa: Meta para o saneamento universal no Brasil pode ser cumprido, apenas, em 2060 e, não, em 2033, conforme estava previsto. É o que adianta em manchete o jornal Estado de São Paulo. O Globo e o Valor Econômico tratam de um mesmo tema em suas manchetes: a votação da Reforma da Previdência. Ambos os jornais destacam que acordo sobre distribuição de bônus da cessão onerosa do petróleo foi fechado e a reforma deve ser votada, em segundo turno, no Senado Federal. Já o jornal Estado de São Paulo aborda, em manchete, a peleja entre o presidente Bolsonaro e seu partido, o PSL, matéria que também aparece em destaque nos outros jornais.

🖋 Edição: Sérgio Botêlho

📃 Manchetes do dia:

“Brasil pode atrasar meta de saneamento universal em 30 anos. Se ritmo de acesso à água tratada e esgoto for mantido, Brasil só terá 100% da rede nos anos 2060, e não até 2033”. Manchete de capa da Folha.

“Acordo sobre leilão do petróleo viabiliza votação da reforma. Nova divisão de recursos contenta governadores de todas as regiões”. Manchete de capa do O Globo.

“Bolsonaro ataca PSL e estuda trocar de partido. Presidente conversa com a UDN, sigla em formação, e pode levar 15 deputados federais e dois senadores do PSL”. Manchete de capa do Estadão.

“Câmara e Senado fecham acordo para divisão de bônus da cessão onerosa. Previsão é votar o projeto de lei na Câmara amanhã e no Senado na próxima semana”. Manchete de capa do Valor Econômico.

📃 Editoriais do dia:

“Negociações tentam manter a ‘Geringonça’ em Portugal. Aliança de esquerda que deu sustentação a um ajuste é importante para o crescimento”. Editorial do O Globo.

“Ministro do Turismo é desafio ao presidente. Marcelo Álvaro Antônio corrói a já arranhada imagem de Bolsonaro de paladino anticorrupção”. Editorial do O Globo.

“Rumo ao real conversível. Se a Nova Lei Cambial for aprovada pelo Congresso, mexer com o dólar e outras moedas será mais fácil para exportadores, importadores e o cidadão comum”. Editorial do Estadão.

“O novo orçamento familiar. O peso do transporte nos gastos familiares superou o da alimentação pela primeira vez na série histórica da Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE”. Editorial do Estadão.

“Deficiências do ensino médio. Educação sem avanço rumo à excelência é passo atrás no desenvolvimento”. Editorial do Estadão.

“Telefonia, século 21. Nova lei abandona normas anacrônicas; resta assegurar competição e investimento”. Editorial da Folha.

“Estudar direito. Taxas de reprovação na OAB derrubam cursos no Ranking Universitário Folha”. Editorial da Folha.

“Brasil ainda está muito longe da liberalização do câmbio. O Brasil não é sequer grau de investimento para poder dar passos iniciais nesta direção”. Editorial do Valor Econômico.

📃 Outros destaques:

“Ao atacar PSL, Bolsonaro reacende troca de partido. Bolsonaro diz que Bivar ‘está queimado’ e reacende estratégia sobre mudança de partido”. Na capa do O Globo.

“Bolsonaro diz que presidente do PSL está ‘queimado’. Na capa da Folha.

“Bolsonaro ataca PSL e aumenta crise no partido. O presidente Jair Bolsonaro ampliou a crise no PSL ao criticar a legenda e seu comandante, o deputado Luciano Bivar (PE)”. Na capa do Valor Econômico.

“Caixa reduz juros de crédito imobiliário. Queda de um ponto percentual na taxa tem potencial de incluir 800 mil famílias no financiamento da casa própria, diz estudo”. Na capa do O Globo.

“Prejuízo força Correio a cortar R$ 2,3 bilhões. Pressionada por aumento de despesas e avanço dos concorrentes, a direção da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) estuda ampliar seu programa de corte de gastos”. Na capa do Valor Econômico.

“Bancos culpam economia por queda lenta nas taxas de juros”. Na capa da Folha.

“Empreiteiras tentam mudar imagem com autorregulação. Entidade nasce oficialmente hoje, em Brasília, com o objetivo de mudar a imagem do setor, manchada pela corrupção”. Na capa do Valor Econômico.

“Leilões de petróleo devem render R$ 237 bi para governo e Petrobrás”. Na capa do Estadão.

“Brasil sobe um posto e é 71º em competitividade. Simplificação significativa de regulações para começar e fechar negócios explica avanço em ranking do Fórum Econômico Mundial”. No Valor Econômico.

“Indústria de SP cresce após três meses de queda. Desempenho do maior parque fabril do país foi puxado pelo setor de alimentos”. No Valor Econômico.

“Defesa de mulheres. Planalto sanciona projetos que ampliam Lei Maria da Penha”. Na capa do O Globo.

“Ministro do TCU suspende campanha do pacote anticrime. Em pedido contra peças publicitárias, subprocurador diz que é ‘paradoxo’ o governo incentivar sensação de insegurança”. No O Globo.

“Líder do PP na Câmara vira réu por corrupção passiva no Supremo. Segundo a PGR, Arthur Lira aceitou, em 2012, propina do então presidente da Companhia de Transportes Urbanos”. No O Globo.

“STF analisa hoje se a Justiça Militar pode julgar civis. Para a PGR, possibilidade viola o estado democrático de direito. Outras duas ações envolvendo militares estão na pauta da Corte”. No O Globo.

“Agentes usarão câmera de lapela em penitenciárias. Medida é anunciada pelo Depen após denúncias de tortura no Pará; entidades de direitos humanos criticam intervenção”. Na capa do O Globo.

“Por Previdência, acordo sobre o pré-sal avança”. Na capa da Folha.

“Grupo na Câmara derruba proposta sobre legítima defesa. Trecho permitia a delegados liberar cidadãos que cometem homicídio”. No O Globo.

“Whatsapp admite envio em massa nas eleições”. Na capa da Folha.

“Guerra do bicho pode estar por trás de atentado. Filha de contraventor é atacada a tiros. A polícia investiga se a disputa por pontos do jogo do bicho foi o que motivou a tentativa de homicídio de Shanna Garcia em shopping no Recreio.” Na capa do O Globo.

“Petrobras nega participação em vazamento no Nordeste. Castello Branco destaca que estatal tem atuado para minimizar impactos do vazamento”. No Valor Econômico.

“Oito Estados afetados. Investigações identificam óleo venezuelano em praias do Nordeste”. Na capa do Estadão.

“Nobel Física. Trio é premiado por descobertas sobre Big Bang e novo planeta”. Na capa do O Globo.

“Corpo de brasileira é encontrado em mala, em Portugal”. Na capa da Folha.

“Cientistas propõem a papa ação pela Amazônia. Carlos Nobre fala a Francisco e a bispos sobre diagnóstico e propostas para desenvolvimento sustentável”. No Valor Econômico.

“Brasil tem política indígena racista, diz relatora da ONU. Segundo funcionária, haverá um genocídio se invasão de terras continuar”. No Valor Econômico.

“Conjuntura atual faz França renegar acordo UE-Mercosul. Não podemos assinar um tratado comercial com um país que não respeita a floresta amazônica, diz ministra do país europeu”. No Valor Econômico.

“Aumenta tensão no Equador. Protestos na capital levam Moreno a transferir sede do governo do Equador”. Na capa do O Globo.

“Equador muda sede de poder e Parlamento é invadido”. Na capa da Folha.

“Itália vai cortar 1/3 do Parlamento. Reforma, que vai cortar um terço das cadeiras no Parlamento, deve entrar em vigor a partir das eleições de 2023”. Na capa do O Globo.

“Trump rejeita cooperar com inquérito de impeachment. Governo Trump denuncia investigação de impeachment como ‘inconstitucional’ após proibir depoimento de diplomata”. Na capa do O Globo.

‘Casa Branca barra depoimento em impeachment”. Na capa da Folha.

📃 Colunas e artigos:

“PSL e Bolsonaro travam disputa por R$ 737 milhões. Parece perto do fim o casamento de conveniência entre Jair Bolsonaro e o PSL. Ontem o presidente torpedeou o dono do partido, Luciano Bivar, a quem chamou de “queimado”. Por trás das escaramuças, trava-se uma disputa pelo controle de R$ 737 milhões.” Na coluna de Bernardo Mello Franco, no O Globo.

“Política cultural feita para censurar. Aqui, como ainda somos uma democracia, o governo está inaugurando um sistema de monitoramento tupiniquim, com burocratas checando nas redes sociais o pensamento e o comportamento político de artistas e produtores que pretendam financiamento para suas obras dos órgãos públicos.” Na coluna de Merval Pereira, no O Globo.

“O petróleo e a Previdência. O acordo fechado entre o governo, a Câmara e o Senado para aprovar a Previdência embute não apenas recursos que serão distribuídos através de emendas de parlamentares nos royalties futuros do pré-sal, mas também uma trava no dinheiro que vai agora para os governadores. Os estados ficarão com 15% do dinheiro que for arrecadado pelo leilão da cessão onerosa, mas terão que usar os valores para financiar seu rombo previdenciário.” Na coluna de Miriam Leitão, no O Globo.

“Quando foi que isso tudo começou? O que surgiu com o aplauso à cena de ‘Tropa de elite’ transformou-se numa necropolítica”. Na coluna de Elio Gaspari, no O Globo.

“Jair e os partidos. Propensão do bolsonarismo ao confronto já leva o presidente a cogitar fazer as malas”. Na coluna de Vera Magalhães, no Estadão.

“As incongruências de cada dia. Mensagens trocadas entre Moro e investigadores produzem uma dessas situações”. Na coluna de Hélio Schwartsman, na Folha.

“Em choque com o PSL, Bolsonaro aposta no culto à personalidade. Presidente desqualifica partido para concentrar influência sobre seu grupo político”. Na coluna de Bruno Boghossian, na Folha.

“É a eleição de 2020… Congresso está conflagrado pelos interesses antagônicos na distribuição de recursos”. Artigo de Antonio Delfim Neto, na Folha.

“Cúpula do PSL já projeta cenário sem Bolsonaro e avalia unir-se a outras legendas”. Na coluna Painel, da Folha.

“Postergado no Brasil, 5G atinge velocidade de internet 76 vezes maior nos EUA. País tem o download mais veloz, com 1.815 Mbps, segundo pesquisa”. Na coluna Painel S/A, na Folha.

“Sem obras, Brasil puxa os cabelos para tentar sair do buraco econômico. Perspectivas para a retomada de investimentos em obras de infraestrutura ainda são limitadas”. Na coluna de Vinícius Torres Freire, na Folha.

“OAB pedirá que STF limite poder de promotores contra prefeitos. Entidade deve entrar nesta quarta (9) no Supremo com uma ação direta de inconstitucionalidade”. Na coluna de Mônica Bergamo, na Folha.

“Fila por autógrafo de Janot mal se formou (e acabou). Na coluna de Mônica Bergamo, na Folha.

“Greta e o moralismo da picuinha. Críticas ao ativismo ambientalista da sueca são mais infantis do que ela”. Na coluna de Marcelo Coelho, na Folha.

📊 Mercado: Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a terça-feira, 08, em queda de -0,59%, a 99.981 pontos. O dólar terminou o dia em queda de-0,34%, a R$4,09.

Destaque histórico:

“Em 09 de outubro de 2009, Barack Obama ganha o Prêmio Nobel da Paz”. Na Barsa.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu