Números do PIB e da educação e liberação da cânabis para remédio são destaques na mídia

Números do PIB e da educação, liberação da cânabis medicamento. Estes são os destaques da grande mídia, nesta quarta-feira, 04 de dezembro de 2019. Chegamos ao 338º dia de 2019 e, portanto, bem próximos de ver encerrado mais um ano. Isto, porque estamos a apenas 27 dias para o réveillon 2019-2020.

🖋 Edição: Sérgio Botêlho

📃 Manchetes do dia:

PIB

“PIB cresce 0,6% no trimestre e deve avançar 1% neste ano. Expansão superou as previsões de alta de 0,4%, levando vários bancos e consultorias a elevar as estimativas para o crescimento de 2019”. Manchete de capa do Valor Econômico.

“Setor privado puxa alta de 0,6% do PIB no 3º trimestre. Investimentos sobem 2% no período; crescimento de 2018 é revisado para cima”. Manchete de capa da Folha.

“PIB sobe além do previsto e melhora expectativa para 2020. Consumo das famílias e indústria puxaram alta de 0,6% no 3º trimestre; analistas projetam 2,3% para o próximo ano”. Manchete de capa do Estadão.

“‘Brasil não aguenta mais voo de galinha’. Economista afirma que retomada da expansão do PIB dependerá ainda mais do crescimento do mercado interno”. Destaque de capa do Estadão.

“Terceiro trimestre. Consumo e construção civil impulsionam retomada do PIB. Saques do FGTS e expansão do mercado imobiliário sustentam alta de 0,6%. Atraso nas reformas e instabilidade no continente são entraves ao crescimento”. Manchete de capa do O Globo.

Educação

“País completa década perdida no Pisa, e paralisia no MEC eleva preocupação. Aprendizagem dos estudantes brasileiros ficou estacionada em 2018, segundo avaliação internacional”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Exame expõe distância entre escola privada e pública. Colégios privados estariam no topo do ranking; no geral, País evoluiu pouco”. Destaque de capa do Estadão.

“Avaliação estudantil. Pisa: Brasil repete mau desempenho”. Destaque de capa do O Globo.

“Atrações turísticas: Três parques do país podem ser privatizados”. Destaque de capa do O Globo.

Anvisa

“Anvisa aprova venda de produtos com cânabis”. Destaque de capa da Folha.

“Anvisa libera venda de remédio à base de maconha. Agência estima que até 13 milhões de pacientes serão beneficiados, principalmente os que sofrem com problemas neurológicos de difícil controle. Os dirigentes, porém, foram contrários à permissão do cultivo da planta em território nacional para fins medicinais”. Destaque de capa do Estadão.

PEC da Segunda Instância

“PEC da Segunda Instância pode incluir outras áreas. Partidos querem que proposta de emenda constitucional atinja esferas cível e tributária, além de criminal”. Destaque de capa do O Globo.

Verba eleitoral

“Congresso pode dobrar valor do fundo eleitoral. Relator de projeto de lei orçamentária anual destina valor R$ 1,8 bilhão superior à proposta enviada pelo governo para gastos em campanhas do ano que vem”. Destaque de capa do Estadão.

Mortes em Paraisópolis

“Promotoria trata morte em bailes como homicídio”. Destaque de capa da Folha.

“Falta de dinheiro matou funk ostentação”. Destaque de capa da Folha.

PSL

“PSL pune Eduardo e mais 17 deputados bolsonaristas”. Destaque de capa da Folha.

Fake News

“Haddad sofreu mais acusações de fake News”. Destaque de capa da Folha.

Balanço em jornais

“MP que dispensa balanço em jornal perde validade”. Destaque de capa da Folha.

TSE/assinaturas digitais

“TSE aceitará assinatura digital para novas siglas, mas prazo é incerto”. Destaque de capa da Folha.

“Decisão do TSE facilita criação de sigla de Bolsonaro. Autorização, no entanto, ainda depende da regularização do tema pelo tribunal e do desenvolvimento de tecnologia para validar apoios”. Destaque de capa do Estadão.

Delação hackers

“Juiz homologa delação de suspeito de hackear Moro e força-tarefa”. Destaque de capa da Folha.

Renan réu

“STF aceita denúncia e Renan vira réu pela primeira vez na Lava Jato”. Destaque de capa da Folha.

Petrobras

“Petrobras já prepara nova oferta de ações da BR. Em entrevista ao Valor, presidente da estatal diz que empresa começa a trabalhar “desde já” com esse objetivo”. Manchete da hora do Valor Econômico online.

Bolsa de Valores

“Analistas fazem previsão otimista para bolsa em 2020. Estimativas apontam para alta adicional de 38% do Ibovespa em relação aos níveis atuais”. Destaque de capa do Valor Econômico.

Negócios

“Diversificação. Sob o comando de Joanita Karoleski, Seara assume a liderança em alimentos congelados e agora lança hambúrgueres, quibes e empanados de proteína vegetal”. Destaque de capa do Valor Econômico.

Concessões

“Ameaças de extinção da concessão da Enel Distribuição Goiás, encabeçadas por políticos do Estado e abraçadas pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), estão em “contradição profunda” com o plano do governo de privatizações, segundo Nicola Cotugno, presidente da empresa italiana no Brasil. Um imbróglio que, diz ele, pode abalar a “credibilidade do país”.”. Destaque de capa do Valor Econômico.

Rio

“Niemeyer: sem previsão, após seis meses e 50% das obras”. Destaque de capa do O Globo.

Trump

“Caso Ucrânia. Comissão do Congresso acusa Trump. Relatório da Câmara diz que Trump pôs ‘interesses pessoais acima dos nacionais’”. Destaque de capa do O Globo.

“Macron e Trump em clima de ‘bateu, levou’: encontro tenso em Londres. Em encontro durante a cúpula que celebra os 70 anos da OTAN, os presidentes Macron, da França, e Trump, dos Estados Unidos, divergiram abertamente sobre o futuro do organismo”. Destaque de capa do O Globo.

📃 Editoriais do dia:

Mortes em Parisópolis

“Os 9 de Paraisópolis. Ação vil da PM precisa ser motivo de vergonha, punição e mudança de orientação”. Editorial da Folha.

Trump

“Apenas um peão. Ameaça comercial ao Brasil escancara malogro do alinhamento irrefletido a Trump”. Editorial da Folha.

“Acuado, Trump se lança em nova investida protecionista. Trump está em campanha eleitoral, de forma que o mundo corre agora mais riscos”. Editorial do Valor Econômico.

Rio

“Um prefeito que desconhece a dimensão do cargo. Crivella não responde ao GLOBO, veta jornal em entrevista e transforma prefeitura em propriedade privada”. Editorial do O Globo.

Educação

“Os números do Pisa. Em vez de discutir ideologia e religião, governo deveria se inspirar na experiência dos países que lideram o ranking.” Editorial do Estadão.

“Posição do Brasil no Pisa preocupa mais com um MEC sem rumo. Abraham Weintraub precisa enfrentar estagnação no ensino, em vez de travar guerras culturais”. Editorial do O Globo.

PIB

“PIB começa a ganhar impulso. Avaliação dominante é de que o Brasil superou a pior fase, a economia ganha impulso e 2020 poderá ser melhor do que têm previsto os economistas.” Editorial do Estadão.

Emprego

“Os problemas da MP 905. Medida Provisória do Emprego Verde e Amarelo mistura assuntos e compromete o equilíbrio entre capital e trabalho que prevalece nos países democráticos”. Editorial do Estadão.

📊 Mercado:

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a terça-feira, 03, estável, a +0,03%. O dólar terminou o dia em baixa de -0,17%, a R$ 4,21.

⏳ Destaque histórico:

“Hoje, 04 de dezembro cristãos católicos, ortodoxos e anglicanos festejam Santa Bárbara. O candomblé louva Iansã. Sincretismo religioso se revela” Mais informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu