Novo recorde de mortes por Covid, no país: 1.349 num dia

Novo recorde de mortes por Covid, no país: 1.349 num dia. Esse é um dos destaques da grande mídia, nesta quinta-feira, 04 de junho de 2020, na seção DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“Novo recorde: 1.349 mortes em 24h, quase 1 por minuto. Assim como no país, número de óbitos por covid-19 no Distrito Federal é o maior em um dia: 13. Injeção de esperança: vacina contra coronavírus, desenvolvida em Oxford, será testada no Brasil. ” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.“Municípios e estados esperam socorro federal há 70 dias. Bolsonaro, que ontem vetou repasse de R$ 8,6 bi para combate a vírus, precisa editar MP.” *Manchete de capa do O Globo*.“Com receio de atos, Bolsonaro diz que manifestante é terrorista. Gesto do presidente reflete temor de bolsonaristas nas redes de que protestos cresçam e virem movimento pró-impeachment.” *Manchete de capa do Estadão*.“Retomada é lenta no comércio e não anima a indústria. Falta de confiança limita compras à metade do normal em estados que já abriram economia após o novo coronavírus.” *Manchete de capa da Folha*.“Vendas têm reação em maio, mas varejistas temem calote. Dez maiores varejistas do país elevaram em quase 40% a provisão para devedores duvidosos em seus balanços do primeiro trimestre. ” *Manchete de capa do Valor Econômico*.📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Eleições 4.0. Sem prolongar os mandatos agora, país deveria debater votações remotas no futuro.” “Pé no chão. Socorro às empresas aéreas deve seguir regras para não se tornar novo compadrio.”
_O GLOBO_
“Racismo é uma das causas das tensões americanas. O assassinato de negro por policial branco repete outros e ocorre em momento de estresse mundialf.” “Bolsonaro não pode se eximir de responsabilidade nas mortes. Equívocos do governo na Saúde dificultam combate à doença que já matou mais de 30 mil pessoas.” 
_ESTADÃO_
“A rua não tem dono. Bolsonaro reivindica para seus fanáticos devotos o exclusivo usufruto das ruas como local de manifestação.”“Bolsonaro e a reforma política. Não pode haver uma acomodação com um sistema cujos defeitos são tão evidentes.” “A necessária neutralidade da rede. A pressa gerada pela angústia e o medo pode produzir inesperados mostrengos.” “FGV mostra estabilização da construção civil. O resultado vem da melhora relativa das expectativas para os próximos três e seis meses.” 
_VALOR ECONÔMICO_
Crises em série abalam força eleitoral de Trump. Trump é uma ameaça à democracia e enfrenta dificuldades para se reeleger.” 
_CORREIO BRAZILIENSE_
“Jornal circula sem Editorial.” Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quarta-feira, 03, em alta de 2,15%, a 93.002 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -2,44%, a R$ 5,09.

Destaque histórico:

Informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments