Moro ataca Aras; deputados apadrinham verbas do SUS

Moro ataca Aras; deputados apadrinham verbas do SUS. Esses são destaques da grande mídia impressa, neste sábado, 04 de julho de 2020.🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“É dando que se recebe. Com aval do Planalto, deputados apadrinham verbas contra Covid. Em redes sociais, parlamentares disputam paternidade de R$ 13,8 bi da Saúde.” *Manchete de capa do O Globo*.“Moro ataca Aras e ‘revisionismo’ de ações da Operação Lava Jato. Ex-ministro defende ‘autonomia funcional’ das forças-tarefa e diz ‘não entender aonde quer chegar’ quem ataca Lava Jato.” *Manchete de capa do Estadão*.“Secretário do Paraná é convidado para o MEC. Bolsonaro contraria aliados e escolhe Renato Feder para a Educação após sucessão de polêmicas no ministério.” *Manchete de capa da Folha*.“Festa clandestina acaba em briga e tiro de deputado. A farra em um bar que furou a quarentena e abriu irregularmente na 408 Sul varou a noite. Mas, na saída, houve confusão.” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Mais fogo. Queimadas têm alta na Amazônia após mancharem a imagem do país em 2019.” “Xampu e picanha. STF toma decisões conflitantes em casos de delitos pequenos.”
_O GLOBO_
“Um desprezo criminoso pela Educação. Paralisado desde a posse de Bolsonaro, o MEC é disputado por ideólogos, militares e políticos.” “Bares lotados após a reabertura refletem falta de consciência. Presidente, que ontem vetou o uso de máscaras no comércio, inspira esse comportamento irresponsável.” 
_ESTADÃO_
“A sucessão de Celso de Mello. Diante das tensões institucionais que o País enfrenta, espera-se que o Senado seja rigoroso na sabatina do indicado.”“Perigosa mensagem. China se lança contra a autonomia de Hong Kong e ameaça modelo ‘um país, dois sistemas’.” “Intenções e gestos no Mercosul. Cúpula do grupo mostrou a distância entre o discurso e a realidade do bloco.” “Responsabilidade fiscal condiciona gestão da dívida. Aumento na parcela da dívida foi tratada pelas autoridades como consequência ‘normal’ da crise.” 
_CORREIO BRAZILIENSE_
“Aproveitar o aceno de paz. O pedido do presidente argentino, Alberto Fernández, para que sejam aparadas as arestas entre as nações do Mercosul, precisa ter boa acolhida no Palácio do Planalto e no Itamaraty,.” Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a sexta-feira, 03, em alta de 0,55%, a 96.765 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -0,49%, a R$ 5,32.

⏳ Destaque para o dia de hoje:

Realce histórico para o 04 de julho. Leia mais sobre Destaques da Grande Mídia Impressa.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments