Janaína: voz dissonante na convenção do PSL

Na convenção de domingo, que lançou o ex-capitão do Exército à Presidência da República, Janaína falou mal do “pensamento único”, criticando o comportamento dos bolsonaristas, admitiu o direito da mulher ao aborto e disse, ainda, que não era necessária a pregação em favor da crença em Deus. Arrepiou o nicho!

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu