Alerj decide acelerar votação do impeachment de Witzel

*Alerj decide acelerar votação do impeachment de Witzel. 47% da população considera que Bolsonaro não tem culpa por mortes da Covid. Congresso retira de Saúde e Educação R$ 242 bilhões*. Esses são destaques da grande mídia impressa, neste sábado, 15 de agosto de 2020. Veja na *sinopse do noticiário*.

*BIRÔ DE IMPRENSA*, Ano III, Nº 645, de 15.08.2020

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“Alerj decide acelerar votação do impeachment de Witzel. Deputados vão eleger nova comissão na terça, e presidente fala em prazo de duas semanas.” *Manchete de capa do O Globo*.

“Congresso retira de Saúde e Educação R$ 242 bilhões. Recursos do Fundo Social do Pré-Sal, que eram exclusivos dessas áreas, irão para gasodutos e para Estados e municípios.” *Manchete de capa do Estadão*.

“Para 47% Bolsonaro não tem culpa por morte pelo vírus. Presidente é o principal responsável pelo número de óbitos para 11% dos brasileiros, mostra Datafolha.” *Manchete de capa da Folha*.

 *Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

“O espectro. Caso Queiroz deve ser esclarecido para definir grau de envolvimento de Bolsonaro.” 

“A vice democrata. Escolha de Kamala Harris equilibra os apelos de uma mulher negra e de uma centrista.”

_*O GLOBO*_

“Tumulto tributário gera impasse judicial de mais da metade do PIB. Qualquer que seja a proposta de reforma, simplificar a cobrança de impostos é uma tarefa inadiável.” 

“Popularidade de Bolsonaro cria risco fiscal. Descartar o teto de gastos para favorecer o projeto político do presidente seria um disparate.” 

_*ESTADÃO*_

“Torpor moral. Grande parte da opinião pública considera as múltiplas barbaridades cometidas por Bolsonaro não só aceitáveis, como irrelevantes.”

“A reanimação dos serviços. Com a reabertura, o setor se movimenta, mas sem recuperar o nível do ano anterior.” 

“O Ministério Público e a coletividade. Observa-se verdadeira indústria da indenização por dano moral coletivo.” 

📈 *Bolsa de Valores*

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a sexta-feira, 14, em alta de 0,89%, a 101.353 pontos. O dólar terminou o dia em alta de 1,21%, a R$ 5,43.

⏳ Destaque para o dia de hoje:

Realce histórico-cultural para CAIANA DOS CRIOULOS.

Leia mais sobre Destaques da Grande Mídia Impressa.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments