GRANDE MÍDIA IMPRESSA 23.12.2021

GRANDE MÍDIA IMPRESSA 23.12.2021: debandada na Receita; pressão por novos reajustes; Saúde ignora Anvisa; compras no comércio; crédito privado. Esse são destaques das manchetes dos jornais.

*Manchetes do dia*:

“Receita tem debandada por salários. Mais de 10% dos auditores comissionados deixaram os postos devido ao privilégio a policiais dado por Bolsonaro.’”.*Manchete de capa da Folha*.

“ORÇAMENTO PARA 2022. Promessa a policiais aumenta pressão por novos reajustes. Auditores da Receita entregam cargos; decisão do governo pode reduzir investimentos. *Manchete de capa do O Globo*.

“Saúde ignora Anvisa e abre consulta sobre vacina infantil. Especialistas veem manobra para protelar imunização” *Manchete de capa do Estadão*.

“Comércio calcula que 250 mil pessoas vão às compras no Natal. O grande movimento de consumidores nos shoppings e lojas de rua da capital animou o Sindicato do Comércio Varejista do Distrito Federal.” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

“Após ano de recordes, crédito privado vive fase de cautela. Perspectiva de mais instabilidade em 2022, por causa da eleição presidencial, colocou um freio nos negócios.” *Manchete de capa do Valor Econômico*.

“Deputados aprovam reajuste dos professores estaduais.” *Manchete de capa do Zero Hora*.

“Assembleia aprova reajuste de 4% para o servidor público. Ativos, aposentados e pensionistas terão aumento em março.” *Manchete de capa do A Tarde*.

“‘Este foi o ano da vacina; 2022 será o ano do emprego’. Entrevista com João Campos.” *Manchete de capa do Diário de Pernambuco*.

*Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

“Contas degradadas. Orçamento afronta a austeridade, privilegia apaniguados e reflete desgoverno” 

“Violência oculta. Pandemia dificulta denúncias e embaralha dados escassos sobre agressão à mulher.”

_*O GLOBO*_. 

O festival da bondade orçamentária. Para tapar o previsível buraco que resultará da soma de inúmeras demandas, o jeito será recorrer ao truque conhecido: receitas ampliadas pela inflação. E o dinheiro na mão dos pobres valerá menos. Eis o legado deste governo à economia brasileira.”

É temerário aval do comitê científico do Rio para liberar carnaval de rua. A decisão do comitê se baseia no cenário de hoje, para um evento que acontecerá no fim de fevereiro. Esperava-se maior cautela dos responsáveis. Dar carta branca ao temerário carnaval de rua é convidar a Ômicron a participar da folia.”

*ESTADÃO*_

“O Orçamento privatizado. Com partilhas secretas e outros arranjos, a lei orçamentária serve muito mais a interesses privados do que a fins públicos”

“Uma democracia cada vez menos democrática. Quanto mais cresce o financiamento público aos partidos, mais aumenta a sua distância em relação aos cidadãos.” 

“Um longo e penoso desemprego. Trabalhador que busca vagas há mais de dois anos precisa lidar com a desconfiança das empresas sobre suas habilidades.”

*VALOR ECONÔMICO*_

“ASDasdA.” 

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quarta-feira, 22, em baixa de -0,24%, a 105.244 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -1,26%, a R$ 5,67.

Destaques:

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.

Notícias sobre Turismo

Sinopse Anexo 6 edição 1138 – Ano IV – Sérgio Botêlho

You may also like

Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments