Estoques do Hemocentro no DF estão 40% mais baixos desde o início da pandemia

Média de doações registrada desde o começo deste ano é insuficiente para atender a demanda

Os estoques de sangue da Fundação Hemocentro de Brasília (FHB) estão 40% menores em relação a março de 2020, quando a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou a pandemia do novo coronavírus e houve a decretação de medidas restritivas, como o fechamento do comércio, no Distrito Federal. As reservas de todos os grupos sanguíneos – exceto AB positivo – se encontram em níveis abaixo do ideal, especialmente os tipos O negativo e B negativo.

Edição do Anexo 6: Sérgio Botêlho, com informações da Agência Brasília

You may also like

Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments