Crise no Rio; economia; benefícios; mercado; Brasília

*Crise no Rio; economia; benefícios; mercado; Brasília*. Esses são destaques da grande mídia impressa, nesta terça-feira, 15 de setembro de 2020. Veja na *sinopse do noticiário*.

*BIRÔ DE IMPRENSA*, Ano III, Nº 675, de 15.09.2020

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“A crise do Rio. Empresário confessa esquema e revela propina a Witzel. Edson Torres diz que seu grupo desvio R$ 50 milhões, e governador recebeu R$ 890 mil’” *Manchete de capa do O Globo*.

“Economia propõe congelar aposentadoria para criar Renda Brasil. Maia se diz a favor da medida por 2 anos para quem ganha acima do salário mínimo” *Manchete de capa do Estadão*.

“Governo quer decreto para cortar R$ 10 bi de carentes. Benefício de idosos e pessoas com deficiência em extrema pobreza será restringido” *Manchete de capa da Folha*.

“Ser e Yduqs disputam operação da Laureate. Aquisição da dona da Anhembi Morumbi e FMU, avaliada em pelo menos R$ 4 bilhões, muda o ranking do setor educacional. ” *Manchete de capa do Valor Econômico*.

“Ibaneis exonera secretário preso. CPI perde força. Denunciados pelo Ministério Público do Distrito Federal por suspeita de fraude na compra de testes rápidos para detecção de covid-19, o secretário de Saúde, Francisco Araújo Filho, e demais integrantes da cúpula da pasta no DF foram demitidos ontem.. ” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

 *Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

°”Um degrau abaixo. Apoio a americano no BID e isenção para agradar Trump apequenam ainda mais o Itamaraty.” 

°”Frente de devastação. Diante de tragédias ambientais, Salles corta orçamento do Ibama e ICMBio em 2021.”

_*O GLOBO*_

°”As relações perigosas de Crivella. Ainda que feitas em período eleitoral, são graves as denúncias de corrupção dentro da prefeitura.” 

°”Bolsonaro avança no projeto de demolir a diplomacia brasileira. Apoio a americano no BID quebra tradição, desperta reação de parceiros e aumenta isolamento do Brasil.” 

_*ESTADÃO*_

°”O evangelho bolsonarista. A caridade com as igrejas só se presta a alimentar a base de apoio de Bolsonaro com vista à reeleição, seu único projeto claro.”

°”Férias de dois meses. Benefício que garantiu a seus membros a Justiça restringe para outras carreiras jurídicas.” 

°”Concessão descabida. EUA obtêm um ganho comercial real, e Brasil fica com vaga promessa de compensação.” 

°”Desemprego na OCDE diminui, mas ainda é alto. Em julho, taxa baixou para 7,7%, ante os 8,0% de desempregados em junho – mas continua maior que a de fevereiro” 

_*VALOR ECONÔMICO*_

°“Pautas espinhosas e divisão no Supremo desafiam Fux. Discursos de posses são geralmente listas de desejos que servem de indicação das intenções do seu autor. Mas elas podem ou não se concretizar” 

_*CORREIO BRAZILIENSE*_

°“Sem jeitinhos. O Brasil precisa reduzir as isenções, que aprofundam as desigualdades e as injustiças que o afastam das práticas republicanas. Se todos são iguais perante a lei, o desafio é outro: pôr fim aos mais iguais. Sem jeitinhos.” 

📈 *Bolsa de Valores*

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a segunda-feira, 14, em alta de 1,94%, a 100.275. O dólar terminou o dia em baixa de -1.11%, a R$ 5,28..

⏳ Destaque para o dia de hoje:

Realce turístico sdfwewer.

Leia mais sobre Destaques da Grande Mídia Impressa.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments