Covid no BR tem novo recorde letal, e veto opõe governo e estados

Covid no BR tem novo recorde letal, e veto opõe governo e estados. Esses são destaques da grande mídia, nesta sexta-feira, 22 de maio de 2020, na seção DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA, do Anexo 6.🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“20 mil histórias. Com recorde de mortes em 24 horas, Brasil chega à trágica marca, e doentes passam de 300 mil.” *Manchete de capa do O Globo*.“20.047 MORTES EM 66 DIAS 1.188 EM 24 HORAS 310.087 INFECTADOS. Número de óbitos causados pela covid-19 dobra em 12 dias e total de casos continua a crescer, sobretudo em direção ao interior do País. Estudo mostra que 7,8 milhões de brasileiros vivem a quatro horas de uma UTI.” *Manchete de capa do Estadão*.“Veto pedido por Guedes cria novo impasse com estados. A governadores, presidente pediu apoio para congelamento salarial de servidores.” *Manchete de capa da Folha*.“Articulação mudou clima de reunião com governadores. Presidente Jair Bolsonaro se comprometeu a sancionar rapidamente a lei que autoriza a União a liberar socorro de R$ 60 bilhões aos Estados e municípios. ” *Manchete de capa do Valor Econômico*.“Mais de 300 mil casos, mais de 20 mil mortes. Pela segunda vez, nesta semana, o país registrou mais de mil óbitos por coronavírus em 24 horas. *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

📃 *Destaques de capa*:

_O GLOBO_

“Yaya Touré: Craque anuncia em vídeo acordo com presidenciável do Vasco”.“Bolsonaro fecha acordo com governadores. Em reunião com os 27 governadores em clima de conciliação, o presidente Bolsonaro chegou a acordo para sancionar o socorro a estados e municípios, com veto a aumento para servidores por 18 meses. Foi discutida a ação coordenada entre governo federal e estados para a reabertura da economia.”.“STF limita MP que protege agentes públicos. Tribunal reduziu alcance da medida editada por Bolsonaro que livra agentes públicos de punição por atos durante a pandemia; proteção não valerá para ações que ameacem a saúde pública, e ministros criticaram agentes que desconsideram a ciência”. “Na mira do centrão, orçamentos de R$ 86 bi. Governo Bolsonaro negocia com o centrão cargos que somam R$ 86 bi em orçamentos”. “Ex-sócio acusa Vale de omitir que sabia de corrupção na Guiné. Ex-executivo da empresa é gravado, sem autorização, em processo movido por magnata israelense contra mineradora”.“Equipe do Einstein cria novo teste para coronavírus. Exame de detecção da Covid-19 com base no sequenciamento genético é vantajoso e poderá ser usado em larga escala”.“Crivella agora fala em reabrir o Rio ‘nos próximos dias’. DEPOIS DE ALMOÇO COM BOLSONARO, CRIVELLA ACENA COM MENOS RESTRIÇÕES”.“Merval Pereira: Militares tentam retomar papel de garantidores da democracia”. “Míriam Leitão: Um breve momento de harmonia na Federação”. “Nelson Motta: Sucesso de Portugal na pandemia faz do Brasil a piada da vez”.
_FOLHA_
“Empresários refutam papel de pressionar governadores”.“Supremo diz que ignorar ciência é erro grosseiro”.“Após troca de acusações, Bolsonaro e Doria adotam trégua em reunião”. “Após recorde, total de mortos no país passa de 20 mil”. “Einstein cria teste para detectar vírus em larga escala”.“No extremo sul de SP, óbito cresce com fila e aglomeração”.“EUA encomendam 300 milhões de doses de potencial vacina”.“Deputados e ala militar pressionam saída de Weintraub”. “Artista faz intervenção contra Bolsonaro em embaixada de Paris”. “Oposição e 400 entidades se unem por impeachment”.“Djamila Ribeiro: Morte horrorosa de João Pedro, como tantas outras”.“Congresso da China avança em controle sobre Hong Kong”._ESTADÃO_“Diminui estoque para produzir remédio. Governo pretende entregar até agosto 6,7 milhões de comprimidos; principal fornecedora de insumos, a Índia restringiu exportações”.“Diminui estoque para produzir remédio. Governo pretende entregar até agosto 6,7 milhões de comprimidos; principal fornecedora de insumos, a Índia restringiu exportações”.“Oposição se mobiliza por impeachment. Partidos de esquerda e de centro fazem investida contra governo Bolsonaro no Congresso, enquanto o presidente intensifica movimento de aproximação com o Centrão”. “Ações buscam saques no FGTS por ‘calamidade’. Decreto de 2004 prevê a possibilidade de resgatar até R$ 6.220 da conta do Fundo; segundo o governo, se todos os trabalhadores puderem sacar até esse valor, as retiradas podem chegar a R$ 142,9 bi, o que supera a disponibilidade imediata de recursos”. “STF indica limite à MP que isenta maus gestores. Corte impõe nova derrota ao Planalto; posição é vista como recado contra tratamento à base de cloroquina, defendido por Bolsonaro”.“Shoppings de SP fazem drive-thru de exames. Técnica desenvolvida pelo Einstein analisa 1.536 materiais por ciclo, ante 96 na tecnologia padrão; hospital não descarta parceria com o SUS”.“STF indica limite à MP que isenta maus gestores. Corte impõe nova derrota ao Planalto; posição é vista como recado contra tratamento à base de cloroquina, defendido por Bolsonaro”.“COI admite cancelar Jogos de Tóquio. Olimpíada. Presidente Thomas Bach descarta outro adiamento; se pandemia não estiver controlada em 2021, não haverá competição”. “Que classe é essa, companheiro? Identifiquei ação de apedrejar uma pessoa que, há mais de meio século, se dedica às artes e à dramaturgia brasileira.”. 

_VALOR ECONÔMICO_

Articulação mudou clima de reunião com governadores. Presidente Jair Bolsonaro se comprometeu a sancionar rapidamente a lei que autoriza a União a liberar socorro de R$ 60 bilhões aos Estados e municípios.STF mantém punições a gestor público. Conforme a interpretação da maioria dos ministros, os atos administrativos sobre pandemia não poderão contrariar normas técnicas e científicas.Metalúrgicos levam plano a industriais. As ideias propostas pelos sindicalistas giram em torno de proteção à indústria local, como concessão de crédito, aumento da nacionalização e estímulo à pesquisa.PL da grilagem provoca reação dos europeus. Projeto de lei já é alvo no Parlamento Europeu e pode custar caro para a imagem e os negócios do BrasilPressão sobre Hong Kong. China quer impor uma nova lei de segurança nacional a Hong Kong; Trump ameaça com retaliação.“Minimizar a pandemia pode significar uma dupla derrota”. Para Larry Summers, ex-secretário do Tesouro dos EUA, líderes que negam a gravidade da pandemia correm risco de dupla derrota: não salvar a atividade econômica nem vidas.Conta corrente pode ter superávit no ano. Combinação de cenário recessivo e câmbio elevado já faz economistas projetarem conta corrente zerada ou até com ligeiro superávit para o Brasil.Estados ficam com parte de doações. Doações para organizações engajadas no combate à covid-19 avançam no país, mas sistema tributário desincentiva a contribuição filantrópica.Arrecadação tem queda real de 29% em abril, pior resultado em 14 anos. No acumulado do ano, resultado representa queda de 7,45% em relação aos quatro primeiros meses de 2019.Arrecadação tem queda real de 29% em abril, pior resultado em 14 anos.

 _CORREIO BRAZILIENSE_

Bolsonaro e governadores vetam reajuste a servidores. Em reunião marcada por tom conciliador, Bolsonaro discute ajuda a governadores e recebe aval para vetar reajustes ao funcionalismo. Com isso, o pessoal da União, de estados e de municípios terá o salário congelado até 2021, o que resultará em economia de R$ 130 bilhões aos cofres públicos.Negligência. Para STF, falha grave deve ser punida. Ministros restringem alcance de MP que livraria agentes públicos por erros nas ações contra a covid-19.Primeiro lote. Imposto de Renda será pago no dia 29. Consulta para a restituição do IR declarado em 2020 estará aberta a partir das 9h desta sexta-feira.Distritais aprovam plano de saúde para ex-colegas. Dos 24 deputados, 16 votaram a favor, seis se abstiveram e dois estavam ausentes. Pressionados pela forte repercussão negativa, parte dos parlamentares quer, agora, anular a votação.Extremistas presos por ameaça a juízes. Polícia apreende, em apart hotel da Asa Norte, material de propaganda contra a democracia, além de pen drive com a anotação “matar juízes, matar todos”. Dupla será acusada de crimes contra a segurança nacional. Desemprego. Pedidos de seguro disparam em maio. 504 mil pessoas requisitaram o auxílio até o dia 15 deste mês, 4,9% a mais do que em igual período de abril.Horta em casa. Brasilienses como Helenice Cavalcante dedicam-se ao cultivo doméstico como forma de relaxamento e equilíbrio. Desembargador tira evangélico da Funai. Ex-missionário Ricardo Lopes Dias chefiava a coordenação de índios isolados desde fevereiro. Para magistrado do Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, nomeação teve “interesses ocultos”.O best-seller que virou série. Pequenos incêndios por toda parte, de Celeste Ng (C), estreia hoje no Brasil após ganhar versão em streaming. As atrizes Kerry Washington (E) e Reese Whiterspoon são as protagonistas.  📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Atraso conivente. Com demora no veto de Bolsonaro, estados dão reajustes estapafúrdios a servidor.” “Da Cultura à sinecura. Novo cargo concedido a Regina Duarte é acinte que reflete loteamento do setor.”
_O GLOBO_
“UM ENTENDIMENTO A SER PRESERVADO EM NOME DO PAÍS. Cordialidade no encontro entre Bolsonaro e governadores tem de ser a base para o enfrentamento da crise.” “Corrupção na saúde torna mais letal pandemia da Covid-19 no Rio. Doentes morrem em filas à espera de um leito de UTI, enquanto o orçamento do setor é saqueado.” 
_ESTADÃO_
“O relato da falsidade. Bolsonaro nada fez sobre o PLP 39/2020. Deixou o tempo passar, dando margem para que categorias obtivessem reajustes salariais. E ontem pediu apoio ao veto.”“O vírus nos cofres públicos. Arrecadação de abril já mostra os efeitos fiscais da covid-19.” “Aos camisas pardas, a lei. Há limites que não devem ser ultrapassados impunemente numa democracia.” “Forte retração do consumo de bens industriais. Os números, já aferidos pelo Ipea, certamente serão bem mais sombrios nas próximas pesquisas.” 
_VALOR ECONÔMICO_
Sob pressão, Xi Jinping enfrenta enormes desafios. Brasil tem pouco a ganhar com o alinhamento automático com EUA ou China.” 
_CORREIO BRAZILIENSE_
“Em benefício da população. O Brasil só tem a ganhar com a prevalência do diálogo e do bom senso entre os entes federados, caso da Presidência da República e os governos estaduais. A hora é de união diante da crise de tamanha gravidade. .” Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou fechou nesta quinta-feira, 21, em alta de 2.10%, a 83.027 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -1,86%, a R$ 5,58.

Destaque histórico:

Informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments