Cortes no Farmácia Popular; governo entrega menos da metade de doses prometidas

Na pandemia, governo faz cortes no Farmácia Popular (Folha). Governo entrega menos da metade de doses prometidas (O Globo). Programa de redução salarial deve ficar R$ 4 bi mais caro (Estadão). OMS: covid é crítica no Brasil. Vizinhos fecham fronteiras (Correio). Essas são as manchetes dos jornais da grande mídia, de hoje. 

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

*BIRÔ DE IMPRENSA*, Ano IV, Nº 873 de 02.04.2021

*Manchetes do dia*:

“Na pandemia, governo faz cortes no Farmácia Popular. Programa distribui remédios para doenças que agravam riscos do coronavírus” *Manchete de capa da Folha*.

“Governo entrega menos da metade de doses prometidas. Em mês com recordes de mortes, só 44% das vacinas foram distribuídas. *Manchete de capa do O Globo*.

“Programa de redução salarial deve ficar R$ 4 bi mais caro. Governo prevê destinar R$ 9,8 bilhões para compensar queda nos ganhos de até 4 milhões de trabalhadores” *Manchete de capa do Estadão*.

“OMS: covid é crítica no Brasil. Vizinhos fecham fronteiras. No dia em que o Brasil superou a média móvel de 3 mil mortes, a Organização Mundial da Saúde (OMS) considerou muito grave a situação da pandemia no país. .” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

 *Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

°Revés na vacinação. Previsão para abril se mostrou fictícia, expondo ainda mais a inépcia federal.” 

°”Imprensa na mira. Relatórios mostram agressões e ameaças de Bolsonaro e seguidores a jornalistas.”

_*O GLOBO*_. 

“As dificuldades da aliança contra Bolsonaro em 2022. Frente lança manifesto como primeiro passo para entendimento, mas os desafios adiante são imensos.” 

“Governo não pode ficar assistindo à escalada brutal de mortes por Covid. Plano descabido de Bolsonaro tem sido apenas atacar as medidas de restrição de governadores e prefeitos.”

_*ESTADÃO*_

°”Ignorem o presidente. Nem se deve perder tempo corrigindo as bobagens de Bolsonaro acerca do estado de sítio e do direito de ir e vir”

°”A reforma tributária precisa avançar. Instalada em 2020, a Comissão Mista da Reforma Tributária no Congresso está parada.” 

°”O quadro da pandemia. Só é possível vencer a pandemia com a cooperação entre Estado e sociedade. Não há saída fora desta cooperação.” 

°”Recordes no financiamento imobiliário. Em fevereiro, atingiu R$ 12,45 bilhões, o recorde nominal para o mês desde 1994, quando a Associação das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança iniciou esses registros.”

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quinta-feira, 1, em baixa de -1,18%, a 115.253 pontos. O dólar terminou o dia em alta de 1,37%, a R$ 5,72.

Destaques:

Destaques históricos e comemorativos do dia
Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.
Notícias sobre Economia do Turismo

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


    Inscreva-se
    Notifique-me de
    guest
    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments