Brasil passa de 10.000 mortos; na capa do O Globo, os nomes das vítimas

Brasil passa de 10.000 mortos; na capa do O Globo, os mortos da Covid-19. Esses são destaques da grande mídia impressa, neste domingo, 10 de maio de 2020, na seção DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA, do Anexo 6.*DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA*🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“10 MIL HISTÓRIAS. EVENTO MAIS LETAL NO BRASIL EM 102 ANOS, PANDEMIA DE COVID-19 CHEGOU ONTEM OFICIALMENTE A 10.627 MORTES. PARA QUE A DIMENSÃO HUMANA DA TRAGEDIA NÃO SE PERCA NA FRIEZA DAS ESTATÍSTICAS, O GLOBO HOMENAGEIA AS VIDAS REUNIDAS EM UM MEMORIAL VIRTUAL.” *Manchete de capa do O Globo*.“Brasil passa de 10 mil mortes e cientistas pedem bloqueio total. País é o que menos testa entre as oito nações com mais casos; analistas veem sistema no limite.” *Manchete de capa do Estadão*.“Brasil ultrapassa a marca de 10 mil mortos por Covid-19. São novamente mais de 700 registros em 24 horas; Congresso Nacional e Supremo decretam luto.” *Manchete de capa da Folha*.“10.627 mortos. Total de vítimas da Covid-19 no país expõe todos os erros no controle da doença. Somente nas últimas 24 horas, 730 perderam a vida. ” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

📃 *Destaques de capa*:

_O GLOBO_

O jornal reproduz, na capa, nomes das vítimas fatais da Covid-19.

_FOLHA_

“Número de mortos sobe mais no país que na Europa”.“Bolsonaro troca churrasco por passeio de moto aquática em lago”.“Entrevista com Antônio Coutinho: Sem dados sobre o vírus, o achismo continua a se impor”. “Elio Gaspari: Pandemia expõe a ruína da medicina pública no Rio”. “Dia das Mães. Doentes ou na linha de frente, elas se afastam para proteger os filhos”.“Little Richards morre aos 87 anos. Lenda do rock, músico foi pioneiro dos subversivos”.“Analistas já veem crise da economia no ano que vem”.“O que pensa quem se arrependeu de votar em Bolsonaro”. 

_ESTADÃO_

“Corrida por vacina tem 8 em testes mais adiantados. Imunizantes costumam levar dez anos para serem produzidos, mas tecnologias aceleraram o processo e há expectativa para 2021”.“Dobram gastos com cartão da Presidência. Total de gastos sigilosos vinculados a Bolsonaro e sua família foi de R$ 3,76 mi neste ano, um salto em relação a períodos anteriores; órgãos como GSI e Abin também tiveram alta”.“NAS ÁREAS ESSENCIAIS, MÃES EM DOSE DUPLA. Mulheres que trabalham em serviços essenciais contam como serão as celebrações hoje; mesmo com a distância, não faltará carinho”. “Profissionais trocam startup por tradição. Onda de demissões em startups, como a ‘unicórnio’ Gympass e o banco digital C6, tem levado os profissionais de tecnologia, que davam preferência a trabalhar em empresas emergentes, a assumir posições em companhias tradicionais, em busca de mais segurança”. “Falta de estratégia isola Brasil na América do Sul. Falta de política nacional para conter avanço da covid-19 e ausência do governo brasileiro em teleconferências regionais incomodam países vizinhos, que temem que o avanço da pandemia no País prejudique a retomada das atividades econômicas no continente”.“Papa liga para arcebispo para perguntar de SP. Estado registrou 46% de isolamento; na capital, só 50% da frota poderá sair amanhã”.“Eliane Catanhêde: Historicamente respeitadas, PF, Forças Armadas e Itamaraty agora estão na boca do povo.”.“Vera Magalhães: Que os generais percebam, antes tarde do que nunca, que não se espera deles que sejam babás.”. “Leandro Karnal: Tendo amado minha mãe com imperfeições, entendi que o humano é digno de amor.”. “MACHADO (QUASE) INÉDITO. Lançamentos trazem contos pouco conhecidos do escritor.”.

 _CORREIO BRAZILIENSE_

“GDF pagará R$ 816 a famílias de baixa renda”.“Multa de R$ 2 mil para quem não usar máscara”.“Entrevista com Leonardo Rolim: Pedidos de auxílio-doença quintumplicam”. “Militares dão aval ao Centrão”. “Segurança. Comando duplo enfraquece PF”.“Violência. Pit-bull ataca na Vila Planalto”.📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Pedágios do centrão. Bolsonaro pagará apoio com cargos, desgaste de imagem e risco de deslealdade.” “A cor da renda. Cresce disparidade salarial entre pretos e brancos, que deve se agravar na crise.”
_O GLOBO_
“Epidemia reforça necessidade de reforma do SUS. A saúde pública tem tido grande papel na crise, o que não significa que não deva ser aperfeiçoada.” 
_ESTADÃO_
“A marcha da destruição. Bolsonaro pode agora acrescentar mais um aos seus adversários: a comunidade médica internacional.”.“Depois da guerra, hora do ajuste. As medidas excepcionais de combate à pandemia do coronavírus e a seus efeitos econômicos ficam regularizadas com a aprovação final do chamado orçamento de guerra. Apesar dessas medidas, a economia brasileira ainda sofrerá danos importantes nos próximos meses..” “Bolsonaro e o pessimismo da razão. Brasil tem de aprender com experiência italiana..”. 
_CORREIO BRAZILIENSE_
Desafios pós-pandemia. A pandemia do novo coronavírus deixará mais do que um rastro de luto em todas as nações. As previsões de organismos internacionais, como o Fundo Monetário Internacional (FMI), e instituições bancárias são de que a economia mundial encolherá ao menos 3% neste ano, a segunda pior recessão depois a Grande Depressão de 1929..”. Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou .

Destaque histórico:

Informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments