Divergência entre Bolsonaro e Guedes é o destaque da mídia

Bolsonaro veta plano de Guedes e mercado teme gastança. Bolsonaro pressiona por Renda Brasil sem corte de benefícios. Ameaçado de fritura, Guedes quer reescalonar Renda Brasil. Mercado reage a divergência entre Bolsonaro e Guedes. Diálogo complicou cúpula da Saúde {no DF}. Esses são destaques da grande mídia impressa, nesta quinta-feira, 27 de agosto de 2020. Veja na *sinopse do noticiário*.

*BIRÔ DE IMPRENSA*, Ano III, Nº 657, de 27.08.2020

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“Bolsonaro veta plano de Guedes e mercado teme gastança. Após tensão, governo teve que desmentir possível saída do ministro.” *Manchete de capa do O Globo*.

“Bolsonaro pressiona por Renda Brasil sem corte de benefícios. Presidente dá prazo até amanhã para Guedes apresentar nova versão de programa.” *Manchete de capa do Estadão*.

“Ameaçado de fritura, Guedes quer reescalonar Renda Brasil. Em crítica a seu ministro, Bolsonaro afirma que não pode tirar de pobres para dar a paupérrimos.” *Manchete de capa da Folha*.

“Mercado reage a divergência entre Bolsonaro e Guedes. Especulações indicam que, se a proposta do ministro da Economia não tem apoio do presidente, haverá aumento de despesa em 2021 e o teto de gastos não será respeitado. ” *Manchete de capa do Valor Econômico*.

“Diálogo complicou cúpula da Saúde {no DF}. Defesa recorre ao STJ. ” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

 *Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

“Além dos marajás. Reforma administrativa deve mudar salário e limitar estabilidade de servidores.” 

“Reinfecção. Caso de nova contaminação traz implicações para o combate à Covid-19.”

_*O GLOBO*_

“Aumento das mortes por Covid-19 no Rio é sinal de alerta. Secretarias atribuem mudança a nova metodologia. A despeito disso, os números são catastróficos.” 

“Fundeb requer o complemento da boa gestão. Com injeção de dinheiro no ensino básico, será ainda mais necessário melhorar a administração do setor.” 

_*ESTADÃO*_

“Perdido no espaço. O Brasil não precisa de “big bang”. Precisa de governo que atue para mitigar a crise, promova reformas e demonstre racionalidade.”

“A reação chega ao Tesouro. Arrecadação melhora, mas continua bem abaixo dos valores do ano passado.” 

“Os muitos efeitos de uma nulidade. Lula ficha-limpa seria o melhor presente que o STF poderia dar a Jair Bolsonaro.” 

“Em busca de alternativas para o crescimento. Há um limite mínimo para a ação dos bancos centrais na definição dos juros, como é o caso da Selic no Brasil.” 

_*VALOR ECONÔMICO*_

A melhoria precária das finanças dos Estados. O susto da pandemia deveria induzir os entes federados a dar prioridade à infraestrutura de saneamento, saúde e educação.” 

📈 *Bolsa de Valores*

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fecha em queda de -1,46%, a 100.627 pontos. O dólar terminou o dia em alta de 1,63%, a R$ 5,62.

⏳ Destaque para o dia de hoje:

Realce turístico para LUCENA DE PRAIAS E FESTAS.

Leia mais sobre Destaques da Grande Mídia Impressa.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments