Bolsonaro avisou sobre troca na PF; Barroso admite eleição adiada

Bolsonaro avisou sobre troca na PF; Barroso considera adiamento da eleição. Esses são destaques da grande mídia, neste domingo, 25 de maio de 2020, na seção DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA, do Anexo 6.🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“Bolsonaro a Moro, poucas horas antes de reunião: ‘Valeixo sai’. Mensagens enviadas 3h30 antes de encontro ministerial de 22 de abril contrariam versão do presidente sobre troca do comando da Polícia Federal.” *Manchete de capa do Estadão*.“‘Ciência decidirá data das eleições municipais’. Novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso avalia que ainda é difícil dizer a data em que o país terá eleições municipais, previstas inicialmente para 4 de outubro.” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.“Centenas de informes. Bolsonaro recebeu 1.272 relatórios de Inteligência. Dados da Abin contradizem queixa do presidente de não ter informações.” *Manchete de capa do O Globo*.“Vídeo permite novas frentes contra Bolsonaro e ministros. Segundo investigadores, presidente, Weintraub e Salles forneceram novos dados para apuração.” *Manchete de capa da Folha*.

📃 *Destaques de capa*:

_O GLOBO_

“Ex-assessora de Flávio tem loja que cresceu 860% em 2 anos”.“Antes da reunião. ‘Valeixo sai esta semana’, disse Bolsonaro a Moro”.“Merval Pereira: O presidente e a fixação pela escatologia”. “Míriam Leitão: Proposta de armar o povo é inconstitucional”. “Elio Gaspari: Na reunião patética, a fala de Guedes”.“Bernardo Mello Franco: Em clima de conspiração”.“Lauro Jardim: Pico das mortes deve ocorrer nesta semana”.“Dorrit Harazim: Nem o ‘Mito’ está acima da legislação”. “Ancelmo Góis: Futebol: Crivella sob pressão de Bolsonaro”. “José Serra: Três crises e uma tempestade mais que prfeita”.
_FOLHA_
“Salles diz que ‘boiada’ era para todos os ministérios”.“Presidente avisou Moro de troca na PF antes da reunião ”.“Defesa apoia nota de Heleno, mas nega golpismo”. “Fábio Wajngarten: Ninguém ficou para trás”. “Tiroteios param postos de saúde e até doações no RJ”.“Tratamento com anticorpos deve vir antes da vacina”.“Grupo leva máscaras a Paraisópolis, que serão distribuídas pelo projeto Periferia Inventando Moda”.“Obama entra em campanha contra reeleição de Trump”. “Estudo sugere combinar testes com isolamento de infectados”. “Guedes planeja criar ‘Refis do vírus’”._ESTADÃO_“Militar já sem cargo triplicou cota permitida de munição. General já havia deixado função quando autorizou norma que triplica o limite para aquisição de projéteis; Bolsonaro cobrou Moro e ministro da Defesa durante reunião”.“Pandemia gera R$ 5,3 bi em doações no País”.“227.682.600 balas podem ser compradas no País de acordo com o novo decreto. Há 379.471 armas nas mãos da população.”. “Dinheiro para a ciência. Doação ajudou a tirar do papel ventilador pulmonar; Unicamp também se organizou para atrair contribuição”. “Hospital completa 2 meses de isolamento. UM HOSPITAL ISOLADO”.“Arquitetos pensam em soluções seguras para o ‘novo escritório’. Empresas buscam projetos para se adaptar à nova realidade no pós-pandemia; mesas serão compartilhadas e salas de reuniões, abertas”.“Startup que aluga apartamento por hora faz sucesso na quarentena. Criado em 2019, o Globe deixa usuário reservar um quarto por algumas horas; negócio tem fila de espera com 100 mil pessoas”.“LOCKDOWN NA TRIBO. São Gabriel da Cachoeira decreta lock down após mortes”. “Vera Magalhães: Reunião ministerial do governo Bolsonaro de 22 de abril é representação do Inferno de Dante em tempos de pós-verdade.”. “J. R. Guzzo: Sobram gestores e facções obcecadas por alguma causa nestes tempos de epidemia, morte e miséria. Falta honestidade.”.“Renata Cafardo: Para os adolescentes, é difícil estudar para conseguir uma vaga em um futuro que ninguém sabe qual vai ser.”.“Affonso Celso Pastore: Há um iceberg por perto, e o risco de colisão é alto. Principalmente, se o comandante optar por uma cloroquina fiscal.”.

 _CORREIO BRAZILIENSE_

Bolsonaro avisou sobre troca na Polícia Federal.Máscara. Fiscalização no DF é ampliada.Pandemia. Espanha começa a abrir as portas. Monitoração constante para conter vírus. Abertura gradual do comércio no Distrito Federal faz aumentar a atenção na curva de crescimento da covid-19. A capital tenta voltar ao normal, apesar da doença. No Brasil, o número de mortes chega a 22 mil, segundo o Ministério da Saúde.Varejo começa a crescer só em 2022. Passado o auge da crise do coronavírus, o setor prevê lenta retomada. Entre os motivos que preocupam o consumidor estão o desemprego e a dúvida em relação aos rumos da economia.“Se cuida, minha filha”. Dona Maria de Freitas fala todos os dias com a filha, Sandra, que é técnica de enfermagem e está na linha de frente contra o coronavírus no Hran. “Eu me apego às orações”, confessa.  Um novo hospital de campanha. Além dos três instalados no Mané Garrincha, Ceilândia e Papuda, outra unidade, ainda sem local definido, deve ser erguida. Ibaneis Rocha visitou, ontem, obras de UPAs. Sete serão entregues até dezembro.Uma questão de equilíbrio. A nutricionista Talita Reis e a psicóloga Caroline Elisa criaram um programa que ajudar a manter uma relação de harmonia entre corpo e alimentação. A moda em debate. Renata Soares, professora de moda, está entre as especialistas que apontam mudanças na área.  Conhecimento ajuda a melhorar a qualidade de vida.Bandolim é seu nome! Hamilton de Holanda fala da carreira e da grandeza do Clube do Choro.Novidades no trabalho. Ferramentas virtuais ganham espaço durante a pandemia e viram rotina.📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Bolsonaro mente. Vídeo evidencia intento de intervir na PF e revela aparato pessoal de informação.” “Esperança de vacina..  Nunca houve tanto incentivo para um imunizante; Brasil erra ao atacar China.”
_O GLOBO_
“Com Ministério da Saúde sem rumo, Brasil ultrapassa 20 mil mortes. País se torna epicentro da Covid-19 e já registra o segundo maior número de infectados.” “A corrosão na confiança dos investidores. Sob Bolsonaro, a Presidência se tornou o principal vetor de instabilidades na República.” 
_ESTADÃO_
“O Estado paralelo de Bolsonaro. Solução encontrada por Bolsonaro para desafiar limites a seu poder foi começar a criar um Estado paralelo, em que as normas não são as inscritas na Constituição.”“Reconstrução. Só a união em prol de um bem maior poderá ser capaz de libertar o País da prisão ideológica.” “Queda nas pesquisas. Irresponsabilidade na crise parece ter sido decisiva para aumento da rejeição ao governo.” “Confiança estaciona em nível baixo. A queda em abril foi tão intensa, que fez os especialistas da FGV verificarem até que ponto os níveis poderiam chegar.” 
_CORREIO BRAZILIENSE_
“A cultura e a crise. A indústria criativa injetou R$ 171 bilhões “2,6% do Produto Interno Bruto (PIB)” na economia brasileira em 2017, revela o Mapeamento da Indústria Criativa no Brasil, realizado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) .” Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não abre aos finais de semana.

Destaque histórico:

Informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments