Bolsonaro ataca Celso de Mello; gestão pandêmica piora imagem do país

Bolsonaro ataca Celso de Mello; gestão pandêmica piora imagem do Brasil. Esses são destaques da grande mídia, nesta segunda-feira, 25 de maio de 2020, na seção DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA, do Anexo 6.DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

📃 *Manchetes do dia*:

“Depois de vídeo, Bolsonaro ataca Celso de Mello, do STF. Irritado com divulgação, presidente tenta impingir suspeita a decano que conduz caso no Supremo.” *Manchete de capa da Folha*.“Gestão da pandemia piora imagem do País e afasta investidores. Analistas internacionais destacam crises sanitária, política e econômica; Brasil registrou em março maior fuga de capital desde 1995, só atrás da Índia.” *Manchete de capa do Estadão*.“Equipe da PGR vê crime de Bolsonaro em troca na PF. Investigadores avaliam que as provas obtidas até agora caracterizam advocacia administrativa.” *Manchete de capa do O Globo*.“Covid-19 fica em 2º plano na agenda de Bolsonaro. Nos dois meses do estado de calamidade pública causado pela covid-19, ministro da Economia esteve com o presidente quase 50% mais vezes do que os responsáveis pela pasta da Saúde. ” *Manchete de capa do Valor Econômico*.“Ministro Weintraub sob pressão e processos. Declarações do ministro da Educação, Abraham Weintraub, na reunião ministerial de 22 de abril, provocou mal-estar para o governo federal. ” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

📃 *Destaques de capa*:

_O GLOBO_

“Trump proíbe viajantes do Brasil de entrar nos EUA. EUA BANEM VIAJANTES DO BRASIL DEVIDO À CRISE DA COVID-19”.“Moro: corrupção não foi combatida. Ex-ministro diz que precisa expor ‘verdade inconveniente’ a seguidores de Bolsonaro e que vídeo prova interferência”.“A mais de 2 horas de um leito de UTI. A pandemia do coronavírus avança pelo interior e 67% dos municípios do país já têm ao menos um caso da doença. No entanto, 14,3 milhões de brasileiros moram em localidades que estão a pelo menos duas horas, de carro, de um leito de UTI adulto do SUS”. “Teich: divergência sobre cloroquina motivou saída. FALTOU ‘ALINHAMENTO’ COM BOLSONARO, DIZ TEICH”. “Idosos sustentam 20% das famílias brasileiras. Idosos respondem por mais da metade do orçamento em 20% dos lares”.“Parte da ‘boiada’ já passou no Meio Ambiente. Sugestão do ministro para que governo aproveite o coronavírus e simplifique normas ambientais já está sendo posta em prática. Medidas vão de afrouxamento a exportações de madeira nativa a anistia a desmatadores”.“Entrevista. Líder do governo, o deputado Vitor Hugo (PSL-GO) diz estar claro que Bolsonaro fez referência à segurança pessoal”.“Manifestação menor, mas sem máscaras. Faixa pede faxina no STF e no Congresso. Presidente afirma em live que ministro da Defesa sabe ‘fazer valer as Forças Armadas’”. “Fernando Gabeira: Tática perversa de destruição da Amazônia”. “Antônio Gois: É preciso flexibilizar o Enem”.
_FOLHA_
“EUA proíbem entrada de quem passou pelo Brasil ”.“Guerra ao vírus nas ruas de SP mobiliza médicos de conflitos”.“Entrevista da 2ª. Diversidade é força, não uma fraqueza. ”. “Marcus André Melo: O vice no jogo do impeachment”. “Piora do risco político e fiscal faz do real uma moeda tóxica”.“Referência à China em vídeo assusta Guedes e a ala militar”.“Com teatros fechados, atores e dramaturgos voltam ao centro da cena”.“Filosofia da bola guia ações de Fernandez contra pandemia na Argentina”. “Empreendedores sofrem com pressão para encontrar soluções para crise”. “Prisão no STF era só para alguns, diz Weintraub”.“Violência volta às ruas de Hong Kong”._ESTADÃO_“Só 1 de 3 doentes graves com covid sobrevive no País. Mortalidade de doentes com covid-19 que são entubados no Brasil é de 66%, um número alto quando comparado aos internacionais”.“EUA barram estrangeiros vindos do Brasil. Países aliados e vizinhos tomam medidas para isolar o País e se proteger do contágio”.“Oliver Stuenkel: Imagem do País passa por um desgaste inédito. A política externa de Bolsonaro transformou o Brasil em um pária que nem sequer participa dos principais debates internacionais.”. “ISOLADOS DA DOENÇA E DO MUNDO. Dezesseis militares da Marinha do Brasil estão na Estação Comandante Ferraz, no único continente sem casos”. “Moro: governo não combate a corrupção. Ex-ministro chamou aproximação entre governo e Centrão de ‘questionável’ em entrevista ontem”.“Corte de cargos no Planalto fica no papel. O chamado gabinete do ódio ajudou a manter inchado o Palácio do Planalto, que hoje emprega 3.395 funcionários, número só menor que o da gestão de Michel Temer”.“Felipe Scudeler Salto: A hora é da qualificada elite burocrática do País. Mas isso requer liderança política.”.“Luís Eduardo Assis: Radicalismo fundamentalista uniu o presidente Bolsonaro e o ministro Paulo Guedes. O populismo pode separá-los.”. 

_VALOR ECONÔMICO_

Momento é de grandes mudanças. Com a desigualdade social ainda mais evidente, cresce a urgência da adoção de novas políticas públicas. Conheça algumas das tendências pós-covid que começam a se esboçar.EUA proíbem entrada de viajante do BR. Medida, que é uma reação da administração de Donald Trump ao aumento dos casos de covid-19 no Brasil, começa a valer a partir de sexta-feira.Prefeituras vão operar as frentes de trabalho. Sistema é baseado em experiências da Coreia do Sul e de Cingapura.Opção ortodoxa. Para o economista e matemático Aloisio Araújo, Banco Central poderá vir a ter que emitir moeda temporariamente para perseguir as metas de inflação.Estudo indica setores que ganham e que perdem. Setores como entrega de alimentos, varejo e farmácias on-line tendem a ganhar com o isolamento social; aeroportos, hotéis e os governos deverão lutar para se recuperar.Fundo imobiliário de logística e habitação ganha destaque. Especialistas do setor veem algumas das estrelas do ano passado caírem por terra por conta das medidas de contenção da covid-19, caso de shopping e hotelaria.Cartórios já lavram escrituras on-line em 9 Estados no país. Novo sistema, além de desburocratizar o serviço, dá fôlego ao mercado imobiliário.Brasil indica Graça Lima para ‘órgão de apelação provisório’ da OMC. Lista final com os candidatos será submetida à aprovação no final de junho.

 _CORREIO BRAZILIENSE_

Encontro com a militância e foco no STF. Sem máscara de proteção, Jair Bolsonaro  desce do helicóptero presidencial e passeia em meio a um grupo de simpatizantes , na Praça dos Três Poderes. Mais cedo, usou as redes sociais para publicar trecho da Lei de Abuso de Autoridade, como reação à decisão do ministro do Supremo Celso de Mello, de tornar pública  reunião ministerial de 22 de abril. Covid-19. Doença se alastra nos presídios do país.Economia. Evite o desperdício durante isolamento.Moro critica alianças políticas de Bolsonaro. Ex-ministro da Justiça Sergio Moro disse que saiu do governo, entre outras coisas, porque faltou prioridade do Planalto para implementar projetos de combate à corrupção.Empresas se preparam para o pós-pandemia. Manter a atividade econômica e preservar a saúde de funcionários estão entre as estratégias, como home office e novos protocolos.Unidos pela solidariedade. Com a chegada do frio, brasilienses, como os integrantes do Instituto Salomão, promovem ações para ajudar  pessoas em situação de vulnerabilidade com alimentos e agasalhos. Saiba como e onde ajudar.  DF registra nove mortes em 24 horas.Desinfecção é prioridade. Com a chegada do frio, brasilienses, como os integrantes do Instituto Salomão, promovem ações para ajudar  pessoas em situação de vulnerabilidade com alimentos e agasalhos. Saiba como e onde ajudar.  Aumenta a tensão entre os EUA e a China. Ministro chinês das Relações Exteriores reage ao ataques de Washington, que acusa o país de ser culpado pela disseminação do coronavírus.Proteção contra o coronavírus. Pesquisadores criam revestimento que repele vírus de máscaras e de equipamentos.DJs se reinventam na quarentena. Sem poder trabalhar em eventos, artistas buscam soluções para ficar próximo do público.📃 *Editoriais do dia*:
_FOLHA_
“Passar a boiada. Ministro do Ambiente vê pandemia como chance para acelerar desmonte do setor.” “A nova do Judiciário. É achincalhe proposta de criar mais um TRF em plena crise e sem debate aberto.”
_O GLOBO_
“Governo fracassa no socorro a 16,3 milhões de empresas. Pandemia impôs um custo brutal ao setor. Em São Paulo, 117 mil estabelecimentos estão fechados.” “Chanceler deve explicações sobre as decisões obscuras na política externa. Ex-ministros acusam atual gestão do Itamaraty de ‘sistemática violação’ de princípios da Carta.” 
_ESTADÃO_
“Auxílio emergencial e clientelismo. Não são pequenas as chances de que a tradição clientelista se imponha com o auxílio emergencial, ainda que sua transformação em permanente encontre dura resistência na realidade.”“A pandemia na indústria. Produção industrial chega aos níveis mais baixos das séries mensais.” “Nenhum dia a mais. Adiar as eleições deste ano para 2021 significa indevida e ilegítima ampliação de mandato.” “De que depende a tranquilidade da balança. País repetidamente criticado por membros do primeiro escalão do governo de Jair Bolsonaro, a China, que há anos é o principal destino das exportações brasileiras, está comprando mais produtos agroindustriais originários do País.” 
_VALOR ECONÔMICO_
Sob pressão, Xi Jinping enfrenta enormes desafios. Brasil tem pouco a ganhar com o alinhamento automático com EUA ou China.” 
_CORREIO BRAZILIENSE_
“Crianças sofrem na pandemia. A violência doméstica, presente no cotidiano da sociedade muito mais do que parece, não atinge de forma mais intensa somente as mulheres nesses tempos de isolamento social. Crianças e adolescentes também são vítimas de agressões crescentes,.” Editorial do Correio Braziliense.

📈 Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) reabre nesta segunda-feira, 25, após o fim de semana.

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments