Bancada rural, Igreja, domésticas e Previdência são destaques da mídia

Bancada rural, Igreja, domésticas e Previdência são destaques da grande mídia impressa, nesta segunda-feira, 23  de dezembro de 2019.

🖋 Edição: Sérgio Botêlho

📃 Destaques do dia:

“Bancada rural tem ano de vitórias, mas sofre pressão. Com 285 membros, Frente Parlamentar da Agropecuária tem visão exageradamente pró-agronegócio que pode prejudicar as exportações brasileiras, avaliam ambientalistaso”. Manchete de capa do Valor Econômico.

“Igreja propõe adaptação de missas a rituais amazônicos. Relatório apresentado ao papa após o sínodo pede incorporação de tradições indígenas à liturgia católica.” Manchete de capa da Folha.

“Total de domésticas com carteira é o menor desde 2013. Com a crise econômica, famílias optam por diaristas, que já são 44% da categoria”. Manchete de capa do O Globo.

“Estados aceleram trâmite para reformar Previdências. Alterações na aposentadoria demoraram em média 15 dias nas assembleias; 9 Estados já têm novas regras”. Manchete de capa do Estadão.

“Fernando Gabeira: Hoje, talvez uma certa elegância fosse revolucionária”. Destaque de capa do O Globo.

“Joaquim Ferreira dos Santos: Sai o Flamengo, entra o verão. Amanhã será outro dia”. Destaque de capa do O Globo.

“Grupo de cientistas defende fim do uso de homeopatia no SUS. Cientistas questionam cobertura do SUS para tratamento com diluições”. Destaque de capa O O Globo.

“Igreja revela abuso de ao menos 175 menores no México. Documento da congregação católica Legionários de Cristo foi publicado em resposta à medida do Papa Francisco que extinguiu o segredo pontifício”. Destaque de capa do O Globo.

“Angra quer ser ‘laboratório’ anticrime. Balneário turístico, Angra quer ser ‘laboratório’ de pacote anticrime de Moro”. Destaque de capa do O Globo.

“Em cinco anos, 25 políticos do Rio foram assassinados”. Destaque de capa do O Globo.

“Brasileiros são discriminados em Portugal. Estudo de pesquisadoras brasileiras mostra o despreparo de universidades e professores lusitanos diante do aumento de alunos estrangeiros. Estudantes brasileiros, que já são mais de 20 mil em Portugal, relatam falta de aceitação da forma como falam e escrevem em trabalhos e provas.”. Destaque de capa do O Globo.

“Reforço do policiamento de Leme, Copacabana e Fundão pode acabar. Prefeitura quer romper convênio, mas estado pode assumir reforço da segurança”. Destaque de capa do O Globo.

“Obituário: Bira, baixista do Sexteto do ‘Programa do Jô’”. Destaque de capa do O Globo.

“Mercado recupera só metade das vagas perdidas”. Destaque de capa do Estadão.

“Venezuelanos se rebelam na fronteira do Brasil. Membros da Guarda Bolivariana e indígenas atacam quartel e posto policial em Santa Elena de Uiarén; militar morre em confronto”. Destaque de capa do Estadão.

“‘Tenho grande chance de ouro no Japão’, diz Italo Ferreira. Vencedor do Circuito Mundial faz planos para 2020 e se coloca como um dos favoritos ao alto do pódio nos Jogos de Tóquio”. Destaque de capa do Estadão.

“A ciência brasileira observada no micro. USP, Federal do Ceará ou Universidade de Maringá: destaque varia conforme o critério”. Destaque de capa do Estadão.

“Livre comércio reduz pobreza, defende Trabuco. Presidente do conselho do Bradesco defende livre comércio ‘por um mundo menos desigual’”. Destaque de capa do Estadão.

“O forró de Mariana Aydar. Mariana Aydar desafia tabus em letras e sons e mostra um forró que também se desenvolve.”. Destaque de capa do Estadão.

“Mauro Cezar Pereira: Os são-paulinos já têm pelo menos duas gerações que não viram seu time vencer uma competição.”. Destaque de capa do Estadão.

“Devoção a candidato iguala apoiadores de Bernie Sanders e de Trump”. Destaque de capa da Folha.

“Entrevista da 2ª. Michel Maffesoli. Individualismo dará lugar ao coletivo e à religiosidade”. Destaque de capa da Folha.

“Para 42%, governo agiu mal no desastre das praias”. Destaque de capa da Folha.

“Construção deve alavancar a economia no ano que vem”. Destaque de capa da Folha.

“Marcia Dressen. Aproveite 2020 para se livrar da praga do cheque especial”. Destaque de capa da Folha.

“Litoral do Nordeste enfrenta poluição por esgotos e óleo”. Destaque de capa da Folha.

“Ideologia e polêmica travam o MEC em 2019”. Destaque de capa da Folha.

“Concorrência nivela taxas no crédito a imóvel. Pesquisa sobre as taxas médias dos grandes bancos mostrou que a diferença entre o menor e o maior juro foi de apenas 0,99 ponto percentual em dezembro”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Crítica às delações. Ministro do STF diz que todos os setores terão que fazer balanço sobre o que se deve alterar na lei”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Pontuação do Ibovespa bate recorde. Bolsa acumula valorização de 31% e caminha para ter um dos melhores desempenhos dos últimos dez anos”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Funções ligadas à automação estarão em alta. Estudo realizado em 14 setores pelo Page Group mostra quais são as posições que as empresas mais buscarão em 2020”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Juro baixo é o grande trunfo para 2020. Com mais crescimento e uma trajetória mais benigna para a dívida, a percepção de risco melhora, tornando o cenário mais favorável para o investimento no país”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Estatais ‘custam’ R$ 39,9 bi mais que dividendo gerado. Aportes da União foram de R$ 97,7 bilhões, contra R$ 57,7 bilhões de retorno”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Inflação de 2020 deve ficar abaixo da meta. Para economistas, capacidade ociosa elevada na economia e ausência de pressões de tarifas administrados aponta cenário tranquilo para a inflação em 2020”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Principais estatais têm lucro 70% maior no ano. Resultado melhora no período janeiro a setembro e chega a R$ 85,2 bilhões, mas investimento se restringe a 26,4% do programado”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Investimento chinês cresce neste ano e deve acelerar nos próximos. Resultado até setembro supera o de 2018 por pouco, mas deve crescer mais no fim do ano”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Banco do Brics aprova 1ª operação de private equity no país. NDB faz aporte de US$ 100 milhões em fundo de investimentos em infraestrutura do Pátria Investimentos”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Bolsonaro procura partido para lançar Datena. Apresentador de programa popular ensaia entrada na vida política, tem presidente como principal fiador, mas resiste em deixar a televisão”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Bolsonaro festeja economia nas redes e evita falar sobre pobreza. Só no Twitter, seu canal favorito de comunicação, Bolsonaro escreveu ou replicou um total de 3.665 mensagens”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Sob pressão. Denúncias de corrupção podem desestabilizar governo”. Destaque de capa do Valor Econômico.

“Presidente avalia mudanças em equipe ministerial. Estão sob risco Ramos, Weintraub, Onyx e Terra; Bolsonaro procura nome técnico para o MEC”. Destaque de capa do Valor Econômico.

📃 Editoriais do dia:

“STF 2020. Corte antecipa pauta do semestre; espera-se autocontenção e menos insegurança”. Editorial da Folha.

“Condução perigosa. Bolsonaro pressiona por afrouxar normas de trânsito; Congresso deve barrar”. Editorial da Folha.

“Emendas ao Orçamento ampliam as desigualdades. Critérios de divisão dos recursos favorecem as regiões mais desenvolvidas”. Editorial do O Globo.

“Calçadas malconservadas do Rio viram armadilhas para pedestres. Prefeitura falha ao não fazer manutenção dos passeios e não notificar moradores”. Editorial do O Globo.

“Um governo perdido. O governo Jair Bolsonaro não tem política ambiental. Não sabe o que fazer para interromper a destruição da Amazônia e de outros biomas nem demonstra disposição genuína de fazê-lo.” Editorial do Estadão.

“A lei, a Internet e a notícia. Em artigo publicado no The New York Times, o pesquisador Matt Stoller analisa os efeitos que sobre o jornalismo e a democracia exercem as grandes empresas globais de tecnologia, especialmente Google e Facebook..” Editorial do Estadão.

“Aberrações na PEC Emergencial.  A mais exótica das medidas é um “bônus” para os funcionários públicos”. Editorial do Estadão.

“Dinâmica do déficit externo não tem nada de alarmante. Para evitar desequilíbrios externos, será fundamental seguir com o ajuste fiscal para reduzir a despoupança do setor público e tornar o país menos dependente de poupança externa.”. Editorial do Valor Econômico.

📊 Mercado:

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) reabre nesta segunda-feira, 23,  após o final de semana.

⏳ Destaque histórico:

“Em 23 de dezembro de 1667, a Inquisição condena o padre Antônio Vieira à reclusão e ao silêncio.” Mais informações sobre o dia de hoje na história, é só clicar.

(Anexo 6 publica diariamente a sinopse da grande mídia impressa, com foco nas manchetes, nos editoriais e nos destaques de capa)

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


Deixe um comentário

avatar
  Inscreva-se  
Notifique-me de
Fechar Menu