Apostas empresariais, Sergio Moro e emprego se destacam na mídia

Apostas empresariais, Sergio Moro e emprego. Estes são os destaques da grande mídia, nesta segunda-feira, 06 de janeiro de 2020.

? Edição: Sérgio Botêlho

? Manchetes do dia:

“Grandes empresários dizem que investirão mais em 2020. Executivos de diferentes setores traçam cenário otimista para o país”. Manchete de capa do O Globo.

“Brasileiro confia mais Sergio Moro, diz Datafolha. Ministro supera 11 figuras públicas, inclusive Lula e o presidente Jair Bolsonaro”. Manchete de capa da Folha.

“Crise antecipa entrada de filhos no mercado de trabalho. Vítimas de desemprego ou recolocação com salário mais baixo, chefes de família também apelam a cônjuges”. Manchete de capa do Estadão.

“Os desejos de 13 ‘especialistas em Rio’ para a cidade e o estado. Depois de um ano “puxado” para o Rio, O GLOBO convidou personalidades para apontar o que esperam em 2020 para a cidade e o estado, em 13 áreas. Em comum, a aspiração de recuperar a economia, com o incentivo a políticas públicas mais humanas para a Saúde e a Segurança.”. Destaque de capa do O Globo

“Um guia turístico no coletivo. Para conhecer os pontos turísticos do Rio, vale tomar VLT, barca, trem e ônibus e correr para pegar um lugar na janela. É possível visitar os cartõespostais da cidade usando apenas o transporte público.”. Destaque de capa do O Globo.

“Irã estuda rever acordo nuclear em resposta a EUA. Firmado em 2015, o acordo que impede o Irã de desenvolver uma bomba nuclear está ameaçado. Analistas apontam que o governo de Teerã deve reduzir ou até deixar o acordo como retaliação à morte do general Qassem Soleimani. Seu corpo chegará hoje a Teerã.”. Destaque de capa do O Globo.

“Crescem disputas entre deputados e partidos no TSE. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgará, em 2020, 40 processos envolvendo fidelidade partidária dos deputados — os números são maiores do que a soma de casos do tipo entre 2015 e 2018. Há pedidos de parlamentares para deixarem suas siglas e tentativas de retomadas dos mandatos.”. Destaque de capa do O Globo.

“Histórias de superação em São Paulo”. Destaque de capa do O Globo.

“Internos da antiga Febem se destacam na mais recente edição da Olimpíada Brasileira de Matemática.”. Destaque de capa do O Globo.

“Lauro Jardim: Cabral delata negócios de Lulinha”. Destaque de capa do O Globo.

“Miriam Leitão: Faltam ação e estratégia na privatização”. Destaque de capa do O Globo.

“Ancelmo Gois: Rio ganhou quase 50 mil vagas de entregadores”. Destaque de capa do O Globo.

“EUA entram em alerta para ciberataques. Multidão vela em Bagdá general Qassim Suleimani, morto em ataque americano, e exige vingança; especialistas acreditam que uma das formas mais prováveis de os iranianos causarem danos sérios é com ações cibernéticas, nas quais são considerados uma potência”. Destaque de capa do Estadão.

“Frustração no primeiro emprego. Para o economista José Pastore, efeitos da recessão e novas tecnologias deixam os jovens ainda mais vulneráveis. “Está mais difícil chegar na posição que os pais alcançaram com a mesma idade.””. Destaque de capa do Estadão.

“Trump diz ter 52 alvos iranianos mapeados. Declaração vem após militar iraniano falar de 35 locais americanos ao alcance de Teerã”. Destaque de capa do Estadão.

“Brasil pode dar apoio. Influente assessor de Jair Bolsonaro vê como improvável a possibilidade de conflito, mas acredita que o Brasil deve apoiar Trump em caso de retaliação do Irã.”. Destaque de capa do Estadão.

“The Economist: Morte impacta mais que a de Bin Laden. Ataque contra o mais importante líder militar do Irã tornará difícil a própria presença de tropas americanas no Iraque e pode revigorar Estado Islâmico. Destaque de capa do Estadão.

“Bolsonaro enfrenta a resistência de políticos nos EUA. Amazônia e direitos humanos no Brasil entram na mira de parlamentares dos EUA”. Destaque de capa do Estadão.

“‘Estado’ é premiado no Brasil e no exterior. Foram escolhidos os trabalhos mais relevantes do ano em dez categorias”. Destaque de capa do Estadão.

“Fernando Henrique Cardoso: Que em 2020 tenhamos mais grandeza. Não no sentido da arrogância, mas da fé em nosso destino nacional.”. Destaque de capa do Estadão.

“Celso Ming: Se a economia confirmar a aceleração, estratégia negacionista das esquerdas pode trazer prejuízos eleitorais.”. Destaque de capa do Estadão.

“Multidão no Iraque pede vingança já contra os EUA”. Destaque de capa do Estadão.

“Globofix de ouro. O Globo de Ouro entregue hoje é decisivo par a aspiração da Netflix de se firmar como produtora de cinema com ‘C’ maiúsculo’.”. Destaque de capa da Folha.

“Fenômeno de aplicativo chinês TikTok ameaça domínio chinês”. Destaque de capa da Folha.

“Assassinatos de meninas, as decretadas, no Ceará. Entre as vítimas estão as ‘decretadas’, que são expostas em redes sociais e mortas por facções criminosas em função de rivalidades ou vingança”. Destaque de capa da Folha.

“Pré-candidatos a prefeitos passam de 200 nas capitais”. Destaque de capa da Folha

? Editoriais do dia:

“Desserviço público. Sem demissões por mau desempenho, Executivo federal estimula improdutividade”. Editorial da Folha.

“Terrivelmente seletiva. Privilégio a parlamentares evangélicos na agenda de Damares é pouco republicano”. Editorial da Folha.

“Reforma ajuda mercado de trabalho. Flexibilização trabalhista funciona e incentiva a abertura de vagas formais em atividades intermitentes”. Editorial do O Globo.

“Tendência de encolhimento de populações é problema mundial. Com queda nas taxas de natalidade, há cada vez menos jovens para financiar aposentadorias e pensões”. Editorial do O Globo.

“A OMC e os valores civilizados. Com 164 países-membros e uma história de grandes serviços prestados à comunidade internacional, a OMC foi solapada nos últimos dois anos por uma nova onda nacionalista, populista e antiglobalista.” Editorial do Estadão.

“Turismo inexpressivo. Um país como o Brasil não pode ser um destino turístico marginal.” Editorial do Estadão.

“Palácios da injustiça. Nenhum Poder evidencia mais o abuso do Direito para normatizar a injustiça do que a própria Justiça”. Editorial do Estadão.

? Mercado:

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) é fechada nos finais de semana.

 

(Anexo 6 publica diariamente a sinopse da grande mídia impressa, com foco nas manchetes, nos editoriais e nos destaques de capa)

Receba todas as novidades do Anexo6diretamente em seu email


    Inscreva-se
    Notifique-me de
    guest
    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments