MANCHETES E EDITORIAIS DE 13.05.2024 

Economia e desastre climático são os temas em destaque nas manchetes dos jornais da grande mídia impressa, nesta segunda-feira, 13. “Empresas sofrem perdas bilionárias com greves no setor público”, no Estadão. “Novas chuvas elevam nível de rios e colocam RS em alerta”, na Folha. “Dívida dos estados deve ter alívio em emergências”, no O Globo.

Manchetes do dia:

“Empresas sofrem perdas bilionárias com greves no setor público. Só a área de petróleo já contabiliza prejuízos de R$ 2,2 bi; movimentos se espalham por 15 categorias”. Manchete de capa do Estadão.

“Novas chuvas elevam nível de rios e colocam RS em alerta. Há risco de o Guaíba voltar a romper recorde de inundação em Porto Alegre.” Manchete de capa da Folha.

“Dívida dos estados deve ter alívio em emergências. Renegociação federal inclui ‘válvulas de escape’ em pagamentos.” Manchete de capa do O Globo.

Editoriais do dia:

“Política de habitação agrava efeito das enchentes. Programas do governo incentivam construções em áreas de risco ou manancial nas periferias.” Editorial do O Globo.

“Brasil precisa estar preparado para diversidade de tecnologias limpas. Mesmo que carro híbrido pareça hoje opção sensata, as baterias de veículos elétricos ganham competitividade.” Editorial do O Globo.

“Firmeza sem arbítrio. Cármen Lúcia iniciará presidência do TSE com desafio de reencontrar equilíbrio na defesa da democracia.” Editorial do Estadão.

“A ciência do desastre natural. É preciso investir na ciência para prever eventos climáticos extremos, pois atuais modelos estão superados.” Editorial do Estadão.

” O perigo da impopularidade. Alta da desaprovação, fruto da falta de rumo, pode estimular Lula a acelerar a demagogia.” Editorial do Estadão.

“Ajuste do Orçamento voltou à estaca zero. Cálculo que exclui receitas e despesas extraordinárias mostra que déficit retornou a patamar semelhante ao de Dilma.” Editorial da Folha.

“Chavismo de direita. Ao estilo venezuelano, Bukele usa popularidade contra democracia em El Salvador.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) volta a operar nesta segunda-feira, 13.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES