MANCHETES E EDITORIAIS DE 08.03.2024 

No Dia Internacional da Mulher, a cruel realidade brasileira é exposta em números que viram destaque nas manchetes dos jornais da grande mídia impressa: Brasil registra 10 mil casos de feminicídio em 9 anos, o que representa 4 mulheres mortas, a cada dia, apenas por serem mulheres.

Manchetes do dia:

“Brasil registra 10 mil casos de feminicídio em 9 anos. Em 2023, número de vítimas foi o maior desde a lei sobre crimes, de 2015.” Manchete de capa da Folha.

“Brasil tem a cada dia quatro feminicídios, recorde em nove anos. Dado se refere ao ano passado, quando o País registrou 1.463 casos, maior patamar desde 2015”. Manchete de capa do Estadão.

“EUA vão criar porto em Gaza para ampliar ajuda humanitária. Com agravamento da fome no enclave sob pressão pré-eleitoral, Biden ordena ação do Exército americano.” Manchete de capa do O Globo.

Editoriais do dia:

“São inexplicáveis os afagos de Lula à ditadura de Maduro. Não tem cabimento comparar casos do próprio petista e de oposicionista venezuelana impedida de concorrer.” Editorial do O Globo.

“Adiar critério para distinguir usuários de traficantes preserva injustiças. Julgamento no Supremo deveria ser mais ágil para cumprir objetivos da Lei Antidrogas.” Editorial do O Globo.

“A imoralidade de Lula. Ao agredir a oposição venezuelana e defender Maduro, Lula reafirma o padrão de sua diplomacia imoral.” Editorial do Estadão.

“Retrocesso político e social. Eleição de bolsonaristas para presidir comissões retrata a força de uma oposição contrária à boa política.” Editorial do Estadão.

“O provisório que vira permanente. Manutenção do Perse expõe embate entre Legislativo e Executivo em processo cheio de erros.” Editorial do Estadão.

“Nunes precisa explicar obras sem licitação. Reportagens da Folha e do UOL mostram alto gasto em ações emergenciais contra cheias, em detrimento de obras estruturais.” Editorial da Folha.

“Conquista histórica. Liberação do aborto na Carta francesa protege direito, defendido por esta Folha.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quinta-feira, 07, em baixa de -0,43%, a 128.340 pontos. O dólar caiu -0,20%, a R$ ,93.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES