MANCHETES E EDITORIAIS DE 03.03.2024 

Criminalidade, economia, justiça e política são os principais temas das manchetes dos jornais da grande mídia impressa neste domingo, 03. “72 facções transformam presídios em ‘escritórios do crime’”, conta o Estadão. “Campos Neto negocia ampliar autonomia do BC com Haddad”, revela a Folha. “Ação de políticos foi a principal causa do fim da Lava-Jato, dizem brasileiros”, segundo O Globo, que também destaca “erros e excessos de juízes e do MP”.

Manchetes do dia:

“72 facções transformam presídios em ‘escritórios do crime’.  Além de PCC e CV, há mais 70 grupos regionais e locais nas prisões, diz relatório do governo”. Manchete de capa do Estadão.

“Campos Neto negocia ampliar autonomia do BC com Haddad. Presidente do Banco Central defende aprovação da PEC que dá mais poderes à instituição.” Manchete de capa da Folha.

“Ação de políticos foi a principal causa do fim da Lava-Jato, dizem brasileiros. Erros e excessos de juízes e do MP foram segundo fator mais citado em pesquisa sobre a operação deflagrada há dez anos.” Manchete de capa do O Globo.

Editoriais do dia:

“PEC da Blindagem é perda de tempo dos parlamentares. Tentar protegê-los do alcance da lei fere Constituição e drena energia. Rodrigo Pacheco acerta ao refutar ideia.” Editorial do O Globo.

“Suprema Corte definirá extensão da liberdade de expressão em redes sociais. Flórida e Texas limitam moderação de conteúdo, impondo riscos para democracia e saúde pública.” Editorial do O Globo.

“O apocalipse segundo Michelle. Ex-primeira-dama deixa claro que espera dos fiéis da seita bolsonarista fé absoluta em seu marido.” Editorial do Estadão.

“Farda não é licença para matar. Julgamento dos militares que fuzilaram inocentes no Rio aponta para a prevalência do espírito de corpo.” Editorial do Estadão.

“PT, peão de Putin. Enquanto Lula evita criticar Putin, o tirano russo usa os petistas para chancelar sua ditadura.” Editorial do Estadão.

“Cessar-fogo já entre Israel e Hamas. Legítimo na origem, como resposta ao terrorismo, conflito deve parar devido ao número de mortos e à disparidade de força.” Editorial da Folha.

“Retrocesso à espreita. Fala absurda sobre a Vale mostra que ideário primitivo do PT espera oportunidade.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não opera nos finais de semana.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES