MANCHETES E EDITORIAIS DE 18.02.2024 

Economia é o tema de todas as manchetes dos jornais da grande mídia impressa neste domingo, 18. “De olho no avanço chinês, Brasil vai financiar ônibus elétricos”, diz o Estadão. “Financiamento a países pobres não pode ‘matar o doente’, segundo o Brasil, conforme conta O Globo.” IPI Verde favorece etanol e prejudica carros chineses”, destaca a Folha.

Manchetes do dia:

“De olho no avanço chinês, Brasil vai financiar ônibus elétricos. BNDES e PAC serão usados pelo governo em pauta verde.” Manchete de capa do Estadão.

“Financiamento a países pobres não pode ‘matar o doente’. Presidência brasileira do G20 defende reforma de órgãos como FMI e ONU.” Manchete de capa do O Globo.

“IPI Verde favorece etanol e prejudica carros chineses. Governo prevê onerar mais os híbridos a gasolina do que os flex; empresas criticam.” Manchete de capa da Folha.

Editoriais do dia:

“As armadilhas da nova política industrial. Plano do governo foi apresentado de modo vago, custa caro e não evita os riscos apontados pelos economistas.” Editorial do O Globo.

“A necessária autocrítica do STF. Confiança está se deteriorando não porque a Corte defendeu o Estado de Direito, e sim pelos abusos na defesa.” Editorial do Estadão.

” Todos ganham com a reforma administrativa. Se bem conduzida, a reforma para regenerar a burocracia estatal será a mais popular das agendas.” Editorial do Estadão.

“De pai para filho. Inadimplente em mais de US$ 500 milhões, Cuba apela à boa vontade lulopetista.” Editorial do Estadão.

“Receita promete nova forma de ação; a ver. Projeto de lei que busca diferenciar bons e maus pagadores é correto na teoria, mas sanha arrecadatória petista preocupa.” Editorial da Folha.

“Navalni e a Rússia. Morte de opositor de Putin na cadeia evidencia degeneração autoritária do país.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não opera nos finais de semana.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES