MANCHETES E EDITORIAIS DE 02.02.2024 

Suspensão de multas da Odebrecht na Lava Jato feita por Toffoli vira manchete dos jornais da grande mídia impressa nesta sexta-feira, 02.

Manchetes do dia:

“Toffoli suspende multa da Odebrecht, em novo revés para punições da Lava Jato. Empresa havia assumido compromisso de pagar R$ 2,7 bilhões em 20 anos, após confessar propina a políticos e agentes públicos.” Manchete de capa do Estadão.

“Toffoli suspende multa da Odebrecht e amplia revisão de decisões da Lava-Jato. Empreiteira havia feito acordo para pagar R$ 8 bi por casos de corrupção. Liminar abre caminho para favorecer outros implicados.” Manchete de capa do O Globo.

“Toffoli suspende multas da Odebrecht na Lava-Jato. Empresa questiona atuação e procuradores que resultou em acordo de leniência.” Manchete de capa da Folha.

Editoriais do dia:

“Acordo entre Lula e Tarcísio é exemplo em país polarizado. Recuo do presidente e parceria com o governo paulista no túnel entre Santos e Guarujá devem ser celebrados.” Editorial do O Globo.

“Maduro demonstra que não quer promover distensão na ditadura. Ao retirar das urnas a maior líder da oposição, ditador venezuelano sufoca esperança de transição democrática.” Editorial do O Globo.

“Prerrogativa é uma coisa, blindagem, outra. Está em curso no Congresso movimentação para, a pretexto de defender as prerrogativas parlamentares, blindar deputados e senadores que eventualmente se vejam às voltas com a polícia.” Editorial do Estadão.

“Chamado à responsabilidade. A dura cobrança sobre o que as big techs fazem para garantir segurança online mostra que não há justificativa para ausência de regulação e responsabilização das plataformas digitais.” Editorial do Estadão.

“Incógnitas de 2024. Prudência fiscal será crucial para queda dos juros, confiança e avanço do PIB.” Editorial da Folha.

“Educação a sério. Conferência sobre rumos do ensino desperdiça tempo com bandeiras demagógicas.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a quinta-feira, 01, em alta de 0,57%, a 128.841 pontos. O dólar terminou o dia em queda de -0,49%, a R$ 4,92.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES