PF faz busca e apreensão em gabinete de deputado federal

Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
Deputado federal Carlos Jordy (PL-RJ)

A Polícia Federal cumpriu, nesta quinta-feira (18.01), mais uma fase da Operação Lesa Pátria, que investiga a organização dos atos de 8 de Janeiro. Logo no início da manhã, policiais realizaram busca e apreensão no gabinete do deputado federal Carlos Jordy (PL-RJ), na Câmara dos Deputados.

O parlamentar é suspeito de participar da organização de atos que contestavam o resultado das eleições presidenciais realizados no Rio de Janeiro, em 2022, como bloqueio de rodovias. Segundo a PF, esses atos podem ser considerados como preparatórios para o que ocorreu em janeiro de 2023 na Praça dos Três Poderes.

Nesta nova fase da Operação Lesa Pátria, os agentes federais cumpriram dez mandados de busca e apreensão autorizados pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Outro lado

Em suas redes sociais, Carlos Jordy publicou vídeo em que nega qualquer envolvimento com os atos de 8 de Janeiro. “Em momento algum do 8 de Janeiro incitei ou falei para as pessoas que aquilo era correto, pelo contrário. Em momento algum estive nos quartéis quando estavam acontecendo acampamentos, nunca apoiei qualquer tipo de ato anterior ou depois do 8 de Janeiro. Não há nada que possa ser colocado contra mim ou que justifique essa busca e apreensão”, afirmou.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES