MANCHETES E EDITORIAIS DE 09.01.2024

No aniversário da fracassada tentativa de golpe de 8 de janeiro de 2022, “poderes exaltam a democracia”, diz em manchete o jornal O Globo. Presidente Lula vê ‘perdão como impunidade’. O Estadão que ato de 8/1 mistura aceno por paz e defesa de punição, sem as presenças de Arthur Lira, Tarcísio de Freitas e Zema. A Folha destaca em sua manchete que “investimento no Brasil mal cobre desgaste de equipamento”.

Manchetes do dia:

“Poderes exaltam a democracia, e Lula vê ‘perdão como impunidade’. Ato para lembrar um ano dos ataques golpistas reúne Judiciário e políticos no Congresso para rechaçar investidas contra as instituições” Manchete de capa do O Globo.

“Sem Lira, Tarcísio e Zema, ato do 8/1 mistura aceno por paz e defesa de punição. Governadores de oposição não foram a evento; Pacheco propôs fim da ‘divisão’ e Lula rejeitou perdão para quem ‘atenta contra democracia’.” Manchete de capa do Estadão.

“Investimento no Brasil mal cobre desgaste de equipamento. Após melhora em 2021, aportes voltam a cair, com efeito sobre a produtividade.” Manchete de capa da Folha.

Editoriais do dia:

“Eleições tornam urgente regulação das redes sociais. Congresso deve reduzir riscos trazidos por desinformação e inteligência artificial às campanhas.” Editorial do O Globo.

“Fiscalização falha explica leniência diante de tragédias com mineração. Mariana, Brumadinho e Maceió mostram que passou da hora de ampliar corpo de fiscais da ANM.” Editorial do O Globo.

“O golpismo explícito e o implícito. Poucos apoiam os atos do 8 de Janeiro, mas a compreensão autoritária do poder é bem difundida pela oposição.” Editorial do Estadão.

“O indecoroso fundão eleitoral. A solução para dar fim a essa imoralidade financiada com dinheiro público não é reeditar as doações empresariais.” Editorial do Estadão.

“Populismo penitenciário. Acabar com a saída temporária de presos não tornará a sociedade mais segura.” Editorial do Estadão.

“O nó do investimento. Crescimento duradouro depende de confiança para ampliar capacidade de produção.” Editorial da Folha.

“Canabidiol em expansão. Avanço paulista no uso do CBD é tímido; Congresso deve regular acesso nacional.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a segunda-feira, 09, em alta de 0,31%, a 132.427 pontos. O dólar terminou o dia em leve baixa de -0,04%, a R$ 4,87.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES