MANCHETES E EDITORIAIS DE 07.01.2024

Hoje, domingo 7, as manchetes dos jornais da grande mídia impressa já focam nos eventos em favor da democracia que marcarão esta segunda-feira, 8 de janeiro, um ano após o assalto aos três poderes como tentativa de golpe de estado. O Globo traz “novas informações e memórias de quem viveu o epicentro da crise”, que detalham freio à investida golpista. A Folha veicula declaração lapidar do presidente Lula: “Quem quiser o poder terá de ser eleito”. O Estadão vai de economia e prevê o setor de serviço a sustentar o PIB, com queda à vista do agro.

Manchetes do dia:

“Passado a limpo. Novas informações e memórias de quem viveu o epicentro da crise detalham freio à investida golpista.” Manchete de capa do O Globo.

“Com queda à vista no agro, setor de serviços deve sustentar PIB. Mercado aposta em atividades como comércio, bancos e transporte.” Manchete de capa do Estadão.

“Quem quiser o poder terá de ser eleito, diz Lula sobre 8/1. Presidente afirma à Folha que não convocou militares para não delegar gestão da crise.” Manchete de capa da Folha.

Editoriais do dia:

“Um dia para celebrar a democracia. Ao enfrentar seu teste mais duro — a tentativa de golpe de 8 de janeiro de 2023 —, as instituições resistiram.” Editorial do O Globo.

“A força e a fraqueza do Supremo. STF segue ignorando que o poder da Corte é inversamente proporcional ao poder individual de cada ministro.” Editorial do Estadão.

“Mais um pacote de incentivo às montadoras. Chega a ser cansativo observar o governo insistir nas mesmas políticas na expectativa de obter resultados diferentes.” Editorial do Estadão.

“O recado do Ibama. Servidores ambientais decretam greve e expõem relação esgarçada com governo Lula.” Editorial do Estadão.

“De volta ao padrão. Reação ao 8/1 mostra democracia forte; país tem de dedicar energia à agenda social e econômica.” Editorial da Folha.

“Areia movediça. Alargar praias para conter erosão costeira é defensável, mas pode revelar-se trabalho de Sísifo.” Editorial da Folha.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não opera nos finais de semana.

ARTIGOS RELACIONADOS
- Advertisment -
Cowmeia Coworking

MAIS POPULARES