GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE 14.12.2022

Sinopse 25

Lula põe Mercadante no BNDES e Haddad define nomes técnicos.  Segurança caça extremistas. PM terá que explicar atuação. Esses são os destaques da GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE 14.12.2022

*Manchetes do dia*:

“Lula põe Mercadante no BNDES e Haddad define nomes técnicos. Galípolo será sub da Fazenda; perfil de ‘rigor fiscal’ é cobrado.” *Manchete de capa do Estadão*.

“Mercadante chefiará BNDES; privatização acaba, diz Lula. Haddad anuncia Galípolo de nº 2 e declara que vai reavaliar receitas públicas.” *Manchete de capa da Folha*.

“Novo governo. Haddad: ‘Você não fortalece o Estado por meio do descontole’. Galípolo e Appy terão postos-chave na Fazenda; Mercadante irá para o BNDES. *Manchete de capa do O Globo*.

“Segurança caça extremistas. PM terá que explicar atuação.” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

“Inundação em Venda Nova. Redução de danos, mas segue o alerta’.” *Manchete de capa do Estado de Minas*.

“Mercadante vai para o BNDES e Fazenda terá Appy e Galípolo. Oficialização do petista, junto com a declaração de Lula de que “as privatizações vão acabar” no país, provocou reação negativa imediata com a queda acentuada do Ibovespa e subida do dólar.” *Manchete de capa do Valor Econômico*.

“Transição. Governo Lula prepara revogaço de ações de Bolsonaro.” *Manchete de capa Diário de Pernambuco*.

*Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

“Gastando por conta. Detalhamento de despesas em 2023 escancara excessos da PEC irresponsável de Lula.”

“Não à baderna. Vandalismo bolsonarista em Brasília requer resposta firme das autoridades.”

_*O GLOBO*_.

“Não basta o STF decidir proibir as emendas do relator. Congresso precisa criar mecanismo transparente para o Executivo negociar apoio a seus projetos.”

“Fim da política Covid Zero é sintoma de esgotamento do modelo chinês. Diante da onda de protestos, Xi não teve alternativa. Terá de enfrentar agora consequências imprevisíveis.”

*ESTADÃO*_

“Vândalos não têm lugar na democracia. Eis o final do governo Bolsonaro: manifestantes incendiando ônibus e depredando prédios públicos.”

“A Lei das Estatais diz a que veio. Para petistas, lei que barra indicação política atrapalha; isso basta para justificar sua existência”

VALOR

“Rigor da lei tem de ser usado contra arruaças bolsonaristas. O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou que se não houver punições aos responsáveis agora, o próximo governo os punirá”

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a terça-feira, 13, em baixa de -1,71%, a 103.540 pontos. O dólar terminou o dia em alta de 0,04%, a R$ 5,31.

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.

Notícias sobre Turismo

Sinopse Anexo 6 edição 1146 – Ano IV – Sérgio Botêlho

Compartilhe este artigo:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Zoom-+=