GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE 27.07.2022

Categoria Sinopse 3

Maior grupo armado do País articula partido e lança candidatos. Fiesp diz que vai apoiar qualquer ato a favor da democracia.. Esses são os destaques da GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE 27.07.2022

*Manchetes do dia*:

Maior grupo armado do País articula partido e lança candidatos. Há CACS pré-candidatos ao Congresso e a governador; objetivo é flexibilizar leis de armas” *Manchete de capa do Estadão*.

Fiesp diz que vai apoiar qualquer ato a favor da democracia. Entidade adere a manifesto em defesa do Estado de Direito; texto é o segundo a responder ameças de golpe.” *Manchete de capa da Folha*.

Instabilidade dificulta busca do ‘preço justo’ para as ações. Quanto maior a percepção de risco, maior a taxa de desconto usada para calcular o preço-alvo.” *Manchete de capa do Valor Econômico*.

Inflação cai, mas preços de alimentos continuam em alta. Redução de custo de gasolina e luz beneficia classe média.” *Manchete de capa do O Globo*.

Carta pela democracia ganha força e adesões” *Manchete de capa do Correio Braziliense*.

Pediatria em crise. Fechamento de unidades na rede particular de BH e falta de profissionais na rede pública preocupam pais.” *Manchete de capa do Estado de Minas*.

Com aumento nos custos, vestuário acumula alta de 15,25% em 12 meses.*Manchete de capa do Zero Hora*.

Grupo da Dinamarca arremata cais do Estaleiro Atlântico Sul. *Manchete de capa do Diário de Pernambuco*.

*Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

“Modo desespero. Bolsonaro retoma investida golpista, no que parece mais um esforço para fugir de inquéritos na Justiçaf

“Mais mulheres. Representando 46% das filiações partidárias, participação feminina não se reflete em cargos

_*O GLOBO*_. 

“É preciso ficar de olho para evitar repetição das pedaladas. Para equilibrar contas afetadas por gasto eleitoreiro, governo quer receber dividendos antecipados das estatais.”

“PGR não pode abrir mão de seu papel numa democracia. É frustrante pedido para que STF arquive investigações contra o governo abertas com base na CPI da Covid.”

*ESTADÃO*_

“A sociedade reage ao arreganho bolsonarista. Ante a gravidade da ameaça de Bolsonaro à democracia, reiterada perante embaixadores estrangeiros, a nova mobilização da sociedade civil precisa ser estimulada

“O temporário que se torna permanente. Se novo piso do Auxílio Brasil for mantido em 2023, evitar a ruína fiscal do País exigirá do futuro presidente inédita capacidade de articulação política para aprovar reformas.” 

“CAC, bom negócio para o PCC. Descontrole na emissão de certificados de CACs permite que o bando pague menos para reforçar seu arsenal.”

_*VALOR ECONÔMICO*_. 

“FMI vê crescerem as chances de uma recessão global. Sem o fim do conflito na Ucrânia dificilmente a inflação voltará a seu curso normal sem recessão.”

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a terça-feira, 26, em baixa de -0,50%, a 99.772 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -2,73%, a R$ 5,35.

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.

Notícias sobre Turismo

Sinopse Anexo 6 edição 1146 – Ano IV – Sérgio Botêlho

Compartilhe este artigo:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Zoom-+=